Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Jobson reaparece e Botafogo já fala em reintegrá-lo

Por AE

Rio – A novela Jobson, que parecia ter tirado férias, teve mais um capítulo nesta terça-feira, quando o jogador se reapresentou no Engenhão, conversou com a diretoria e com o elenco do Botafogo e mostrou-se disposto a voltar a defender a camisa alvinegra assim que chegar ao fim a sua punição por doping, o que só acontecerá em março do ano que vem.

“Jobson tem obrigações conosco e se apresentou no dia estipulado. Voltou muito bem, reconhecendo e aceitando. Percebemos uma reação positiva, ele está muito mais tranquilo. Por este motivo, foi autorizado a falar com a imprensa. É o primeiro passo para um caminho profissional. A tendência, hoje, é se apresentar no dia 4 de janeiro com os demais atletas para a pré-temporada”, explicou o gerente de futebol, Anderson Barros.

Jobson chegou ao Botafogo em 2009, por empréstimo do Brasiliense, brilhando na reta final daquele Campeonato Brasileiro. O jogador ficou perto de acertar sua transferência para o Cruzeiro visando a temporada seguinte, mas foi pego por cocaína no exame antidoping e ficou seis meses suspenso. Em junho de 2010, ao fim da sua pena, assinou por cinco anos com a equipe carioca, sendo depois afastado por indisciplina. Emprestado ao Atlético-MG, voltou reclamando da falta de espaço em Minas Gerais. Foi também cedido ao Bahia durante o Brasileirão, mas voltou a pisar na bola e novamente foi dispensado.

Agora cumprindo pena aplicada pela Corte Arbitral do Esporte (CAS), Jobson tenta corrigir os rumos de sua carreira. Com contrato até 2015 com o Botafogo, ele se coloca à disposição dos interesses do clube. “Vim conversar e estou disposto a fazer tudo que o Botafogo pede e dar a volta por cima. Já fiz besteiras demais. É muito bom rever o pessoal e todos me darem apoio. Quero entrar em 2012 com a cabeça no lugar”, afirmou o atacante, que sempre se negou a passar pelos tratamentos indicados pelo clube.