Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Jeremy Lin estará no torneio de enterradas do All Star Game

Redação Central, 16 fev (EFE).- Sensação do momento na NBA, o armador Jeremy Lin, do New York Knicks, participará do All-Star Game, no próximo dia 26, em Orlando, mas apenas como coadjuvante.

Lin conseguiu revolucionar a NBA nas sete partidas que jogou com os Knicks, seis como titular, e ajudou a equipe a vencer todos esses confrontos.

O armador de origem taiwanesa foi convidado para ajudar seu companheiro de time, o armador novato Iman Shumpert, no Concurso de Enterradas, tendo que lançar as bolas para que Iman vá ao encontro da cesta e enterre.

Lin, de 23 anos, pode fazer com que seu companheiro vença, ainda mais com o possível novo formato da disputa, que deve ser decidida pelo Twitter, além de mensagens de texto pelo celular e votos no site da NBA.

Os outros inscritos no concurso são o ala Chase Budinger (Houston Rockets), o ala-armador Paul George (Indiana Pacers) e o ala Derrick Williams (Minnesota Timberwolves), companheiro do espanhol Ricky Rubio, que também deve ser um dos atrativos do torneio.

Cada um deles terá três enterradas, e os torcedores poderão votar assim que os quatro completarem o primeiro turno.

O jornal ‘New York Daily News’ informou que a NBA espera que Lin faça parte da competição do Haier Shooting Stars, competição entre equipes do All-Star Game, durante a noite de sábado, o que também permitiria com que formasse dupla com Shumpert.

O dono dos Dallas Mavericks, Mark Cuban, disse que a chegada de Jeremy Lin é positiva para NBA. Ele também lembra que os Mavs foram a primeira equipe em que Lin atuou nos chamados ‘training camps’, e que dispensou o atleta, que foi para o Golden State Warriors e depois acabou passando pelo Houston Rockets, sem sucesso em ambos os times.

‘Ele era o melhor no campo de treinamento, melhor que a primeira escolha do draft, John Wall, que havia sido escolhido pelos Wizards, mas não quis contratá-lo. Seu arranque se parece com o de Steve Nash, que surpreendeu no começo e depois se transformou em um grande jogador’, declarou Cuban.

O dono dos Mavs disse que sua equipe espera acabar com a sequência de Lin no próximo domingo, quando enfrentarão os Knicks no Madison Square Garden. ‘Não tenho nenhuma dúvida de que vamos freá-lo’, provocou.

Jeremy Lin se formou em economia na faculdade de Harvard, uma das mais tradicionais do planeta, o que faz com que sua ascensão seja ainda mais especial. EFE