Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Jejum em clássicos no ano incomoda Carlinhos no Flu

Por AE

Rio – O Fluminense vai tentar quebrar neste domingo, em Volta Redonda, um jejum incômodo. O time buscará uma vitória contra o Botafogo, pela rodada final do Campeonato Brasileiro, para não terminar 2011 como o primeiro ano de sua história sem ganhar sequer um único clássico contra um rival carioca em toda uma temporada. O lateral-esquerdo Carlinhos não escondeu, nesta quinta-feira, a sua decepção com este jejum, que atrapalhou os planos do clube na luta pelo título nacional. A equipe acaba de ser derrotada pelo Vasco, perdeu a chance de ser campeã e viu o rival seguir na briga pela taça.

“O Fluminense entra em todos os clássicos para poder ganhar, mas infelizmente não estamos conseguindo. Os resultados não estão dizendo o que estamos fazendo em campo. Temos mais um clássico e jogamos muito bem contra o Vasco, mas tivemos a infelicidade de tomar um gol no final”, afirmou Carlinhos, antes de enfatizar: “Na maioria dos clássicos, jogamos melhor do que o adversário, mas terminamos sem a vitória. Agora, precisamos vencer”.

O jogador também mostrou preocupação com o fato de o Fluminense ainda não ter se garantido na fase de grupos da Copa Libertadores de 2012, apesar de enaltecer a reação do time ao longo da competição nacional. “O Fluminense, primeiramente, conseguiu uma coisa que ninguém esperava, pelos fatos acontecidos. O time mostrou mais uma vez superação e chegou até a penúltima rodada com esperança de título, e era um time que antes estava olhando a zona de rebaixamento”, analisou Carlinhos, para depois ressaltar a última missão da equipe nesta edição do Brasileirão.

“O Fluminense está de parabéns, mas não acabou, ainda precisa de mais um ponto. O Fluminense está na pré-Libertadores, mas não está direto (na fase de grupos). No geral, ficou bom para o Fluminense, mas queremos a vaga direta na fase de grupos da Libertadores”, acrescentou Carlinhos, lembrando que um empate basta para a equipe assegurar um lugar no estágio principal da fase inicial da competição continental.

Por estar com 62 pontos, na terceira posição do Brasileirão, o Fluminense ainda pode ser ultrapassado pelo Flamengo, que tem 60, está em quarto lugar e encara o Vasco na última rodada. Por ter cinco vitórias a mais que os flamenguistas, o time de Abel Braga precisa de apenas um empate para assegurar o terceiro posto da tabela e a consequente classificação para a fase de grupos da Libertadores.