Clique e assine a partir de 8,90/mês

Jairo Araújo explica substituição e desconversa sobre Elias

Por Da Redação - 15 jul 2012, 21h23

Considerada a melhor partida do Atlético Goianiense no Campeonato Brasileiro, a derrota por 1 a 0 para o Vasco, em São Januário, poderia ter sido evitada. Além de duas bolas na trave, a equipe goiana tinha em Weslley seu grande destaque no jogo, mas o técnico interino Jairo Araújo resolveu tirá-lo de campo para a entrada de Diogo Campos.

Perguntado sobre a alteração, o treinador hesitou, mas justificou a escolha. ‘O Weslley estava realmente muito bem, articulando com o Bida. Mas eu queria um homem de velcoidade, por isso o Diogo Campos. Infelizmente, não surtiu o efeito esperado. Temos um grupo e ele será importante para sairmos dessa situação’.

Quando outro assunto polêmico surgiu na entrevista coletiva, Jairo mais uma vez não esclareceu as dúvidas da torcida do Dragão. O meia Elias foi afastado pelo ex-técnico Hélio dos Anjos e, mesmo a equipe carecendo de um armador, ainda não foi reintegrado.

‘Não conversamos nada sobre o Elias. Essa semana a preocupação era o jogo contra o Vasco e agora será a partida com o Figueiresne, na quinta-feira. Ainda não falei com o Adson (Batista, diretor de futebol)’, desconversou Jairo Araújo.

Continua após a publicidade
Publicidade