Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Jadson admite conversa com o Atlético-PR, mas nega qualquer acerto

Desde 2005 no Shakhtar Donestk, o meia Jadson já deixou claro que não pretende disputar a próxima temporada na Ucrânia e sua insatisfação no continente europeu gerou diversos rumores sobre um possível retorno ao Brasil. Entre os interessados, o que mais mexe com o jogador é o Atlético-PR, onde o atleta despontou para o futebol ao conquistar o Brasileiro de 2001.

Neste domingo, inclusive, Jadson foi convidado pela diretoria do Furacão para a disputa de um amistoso na Arena da Baixada. O jogo festivo foi o último confronto realizado antes das obras no estádio e marcou a comemoração dos dez anos da principal conquista da história do clube paranaense.

Impressionado com o carinho que recebeu dos torcedores, que clamaram por sua volta durante a partida, o armador admitiu que manteve conversas com o presidente eleito Mário Celso Petraglia, mas negou que qualquer proposta tenha sido apresentada ou que um acerto já esteja engatilhado com a equipe.

‘Conversei com o pessoal de lá do Shakthar e deixei bem claro que meu desejo é sair. Mas até agora não tem nada de concreto. A conversa com o Petraglia foi verdadeira, ele é um amigo, mas nada sobre contrato. Se um dia puder voltar, volto com muito amor’, declarou o meia, em entrevista ao portal Paraná Online.

O Atlético-PR agora viverá uma intensa reformulação nos bastidores da equipe e no elenco que disputará o Estadual e a Segunda Divisão do Campeonato Brasileiro. A tendência é que a nova diretoria encaminhe uma lista de dispensas e comece a buscar a contratação de nomes que interessam aos dirigentes para suprir a ausência dos diversos jogadores que deverão deixar o time.