Clique e assine com até 92% de desconto

Inter entra com pedido para conseguir a dupla cidadania de Guiñazu

Por Da Redação 1 ago 2012, 20h49

O excesso de jogadores estrangeiros em seu elenco e a necessidade de contar com força máxima nas próximas rodadas do Brasileiro fez com que o Internacional entrasse com um pedido para o volante Guiñazu obter a dupla cidadania no País. O argentino já teve sua documentação encaminhada para as autoridades responsáveis e, caso seja aprovado, poderá entrar em campo sem exceder a cota exigida pela CBF.

A entidade permite que até três atletas de fora do Brasil sejam relacionados para campeonato nacionais. Com a contratação do uruguaio Diego Forlán e a importância adquirida por nomes como D’Alessandro e Dátolo no elenco, a diretoria passou a estudar a possibilidade de conseguir a dupla cidadania de Guiñazu desde a época que Fernandão ocupava o posto de diretor técnico do clube gaúcho

A identificação do volante com a torcida gaúcha poderá ser um ponto a favor do Internacional. O atleta já havia conversado com Fernandão sobre tal possibilidade e se mostrou entusiasmado com a chance de obter esta documentação. Mesmo se conseguir a dupla cidadania, Guiñazu poderá defender a seleção argentina sem qualquer problema, uma vez que o processo é totalmente diferente do que envolve a naturalização do jogador.

Na última terça-feira, o técnico Alejandro Sabella divulgou a lista inicial com os nomes que defenderão a equipe nacional em um amistoso contra a Alemanha, no dia 15 de agosto. A presença do volante colorado entre os presentes causou muita comoção entre o elenco gaúcho. Parabenizado por seus companheiros nesta quarta, o jogador apareceu após os treinos para dar entrevistas e agradeceu o treinador pela lembrança entre os relacionados para o amigável.

Continua após a publicidade
Publicidade