Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Insatisfeito, Mourinho avisa: “não vimos o melhor de Kaká”

Em crise no comando do Real Madrid, treinador português lamenta atuações do meia brasileiro e não descarta possibilidade voltar a comandar a Inter de Milão

Por Da Redação 26 jan 2013, 13h02

José Mourinho voltou a demonstrar insatisfação com o futebol do brasileiro Kaká ao lamentar, neste sábado, que o clube ainda não acompanhou as atuações que credenciaram o brasileiro ao prêmio de melhor jogador do mundo da Fifa, em 2007. O técnico português até sugeriu que a contratação do meia junto ao Milan seria benéfica, mas garantiu a permanência do jogador no clube merengue.

Leia também:

Kaká: ‘Faço sacrifícios para retornar ao Milan’

“No Real Madrid, não vimos o melhor de Kaká. Ele tem que ser feliz e o Milan poderia ser uma boa solução, mas ele é jogador do Real Madrid”, afirmou o treinador português em entrevista ao canal italiano RAI.

Kaká foi contratado pelo Real Madrid em junho de 2009, mas não conseguiu repetir as ótimas atuações que o consagraram na equipe italiana. O meia ficou sete meses afastado dos gramados após a Copa do Mundo de 2010 em função de uma cirurgia no joelho esquerdo. Após o seu retorno, não conseguiu se firmar entre os titulares.

Ídolo no Milan, o jogador despertou o interesse do clube italiano nas últimas janelas de transferências, mas a negociação não foi concretizada. Neste mês, a diretoria do time de Milão chegou a negociar a contratação de Kaká com o Real Madrid, mas anunciou na última semana ter desistido do negócio.

Pressionado no Real Madrid pela campanha irregular da equipe no Campeonato Espanhol e por problemas de relacionamento com alguns jogadores, Mourinho não descartou a possibilidade de dirigir a Inter de Milão. O time italiano foi o último a ser dirigido pelo português antes de ser contratado pelo time espanhol em maio de 2010. “Me faltam ao menos outros 20 anos e muitas coisas que podem acontecer. Por exemplo, voltar para a Inter”, disse.

Mourinho completou 50 anos neste sábado e o seu aniversário não foi esquecido pela Inter de Milão, que saudou o treinador no seu site oficial. Em dois anos no clube, ele faturou dois títulos do Campeonato Italiano, uma Copa da Itália, uma Supercopa da Itália e uma Liga dos Campeões da Europa.

(Com Estadão Conteúdo)

Continua após a publicidade
Publicidade