Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana

Imprensa mundial destaca morte de Sócrates e o exalta

Por Da Redação 4 dez 2011, 15h51

Por AE

São Paulo – A morte de Sócrates foi tratada com grande destaque pela imprensa internacional neste domingo. Vários sites dos principais jornais do mundo exaltaram a carreira vitoriosa do ex-jogador, o seu engajamento político e sua a formação como médico, fato raro para quem ao mesmo tempo também era um atleta profissional de futebol. Internado desde a noite da última quinta-feira, em razão de uma infecção intestinal,o ex-atleta morreu às 4h30 desta manhã de domingo, aos 57 anos, em São Paulo.

O jornal italiano “La Gazzetta dello Sport” manchetou o seu site com uma matéria dedicada a Sócrates, que trouxe o título “Brasil em luto”. O periódico lembrou da passagem do atleta pela Fiorentina, pelo Corinthians e pela seleção brasileira.

O “El País”, da Espanha, citou Sócrates como “o democrata do futebol” ao lamentar a morte do ex-jogador, enquanto o “The Sun”, da Inglaterra, ressaltou que faleceu uma “lenda do futebol”, assim como fez o também inglês “Daily Mail” e o site da rede britânica BBC. Este último, citou o ex-atleta como um dos maiores meio-campistas de todos os tempos.

Até mesmo o jornal argentino “Olé” se rendeu à importância de Sócrates, que ajudou o Brasil a eliminar a Argentina na Copa do Mundo de 1982, quando o país deu adeus à competição após uma derrota por 3 a 1 para a equipe dirigida por Telê Santana. O diário local titulou “Se foi um grande”, destacou que o ex-jogador lutou contra o regime militar e o lembrou como um “craque dentro e fora do gramado”.

Continua após a publicidade
Publicidade