Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

IFFHS aponta Luis Fabiano como o artilheiro brasileiro do século

À disposição para enfrentar o Independente-PA nesta quarta-feira pela primeira vez desde 28 de janeiro, Luis Fabiano teve outra boa notícia nesta semana além da recuperação de estiramento na coxa direita. A Federação Internacional de História e Estatística do Futebol (IFFHS) apontou o centroavante do São Paulo como o maior artilheiro brasileiro neste século, com 59 gols.

O camisa 9 do Tricolor ocupa a 18colocação na lista liderada pelo marfinense Drogba, que marcou 92 gols entre janeiro de 2001 e dezembro de 2011. À frente do atleta comandado por Emerson Leão, estão também o alemão Klose, o holandês Van Nistelrooy, o francês Henry, o camaronês Eto’o, o espanhol Villa, o espanhol Raúl, o angolano Flávio, o búlgaro Berbatov, o ucraniano Shevchenko, o suíço Frei, o argentino Messi, o português Cristiano Ronaldo, o irlandês Robbie Keane, o sueco Larsson, o dinamarquês Tomasson e o alemão Ballack

Para definir o ranking, a IFFHS considerou somente gols marcados em jogos entre seleções nacionais, nas Olimpíadas, no Mundial de Clubes, em competições continentais interclubes, na Copa das Confederações e partidas entre clubes organizadas por suas confederações continentais – como o Mundial Interclubes de 2001, 2002, 2003 e 2004, todos anteriores à organização da Fifa.

O curioso é que na lista de clubes defendidos por Luis Fabiano para contar seus gols citados pela IFFHS aparece o Santos, equipe que o jogador nunca defendeu – deveriam aparecer somente São Paulo, Porto e Sevilla, além da Seleção Brasileira. A IFFHS não arrumou a gafe até a tarde desta terça-feira.

Atrás de Luis Fabiano, apareceram os brasileiros Adriano, hoje no Corinthians, com 58 gols; Ronaldinho Gaúcho, atualmente no Flamengo, com 57 gols; Kaká, do Real Madrid, com 51 gols; Robinho, do Milan, com 49; Ronaldo Fenômeno, já aposentado, com 45; e Vagner Love, do Flamengo, com 38.

Confira os principais nomes do ranking da IFFHS de artilheiros do século 21:

1Drogba (Costa do Marfim, Olympique de Marselha e Chelsea) – 92 gols

2Klose (Alemanha, Kaiserlautern, Werder Bremen, Bayern de Munique e Lazio) – 88 gols

3Van Nistelrooy (Holanda, Manchester United, Real Madrid e Hamburgo) – 87 gols

4Henry (França, Arsenal e Barcelona) – 85 gols

5Eto’o (Camarões, Mallorca, Barcelona e Inter de Milão) – 84 gol

6Villa (Espanha, Zaragoza, Valencia e Barcelona) – 80 gols

7Raúl (Espanha, Real Madrid e Schalke 04) – 75 gols

8Flávio (Angola, Atlético Petróleos Luanda, Al-Ahly Cairo e Al-Shabab FC Riyadh) – 74 gols

9Berbatov (Bulgária, Bayer Leverkusen, Tottenham e Manchester United) – 72 gols

10Shevchenko (Ucrânia, Milan, Chelsea e Dínamo de Kiev) – 72 gols

18Luis Fabiano (Brasil, São Paulo, Porto e Sevilla) – 59 gols

24Adriano (Brasil, Parma, Inter de Milão, São Paulo e Flamengo) – 58 gols

26Ronaldinho Gaúcho (Brasil, PSG, Barcelona e Milan) – 57 gols

36Kaká (Brasil, Milan e Real Madrid) – 51 gols

44Robinho (Brasil, Santos, Real Madrid, Manchester City e Milan) – 49 gols

58Ronaldo (Brasil, Inter de Milão, Real Madrid e Corinthians) – 45 gols

91Vagner Love (Brasil, CSKA Moscou e Flamengo) – 38 gols