Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Ídolo do beisebol é morto a tiros nos EUA; namorada é suspeita

Corpos de Darryl Hamilton, de 50 anos, e sua companheira, Monica Jordan, foram encontrados na casa onde o casal vivia com o filho

Darryl Hamilton, ex-jogador e ídolo do New York Mets, popular equipe da liga americana de beisebol (MLB), foi encontrado morto com vários tiros dentro de sua casa na cidade de Pearland, no Texas. A polícia chegou ao local na tarde de domingo e também localizou o corpo da namorada de Hamilton, Monica Jordan, de 44 anos, atingido por uma única bala. Os investigadores suspeitam que ela se suicidou após ter assassinado o ex-jogador. O filho do casal, de apenas 14 meses, estava na mesma casa, mas não foi ferido.

Hamilton, de 50 anos, foi um dos destaques da campanha que levou o New York Mets ao vice-campeonato da MLB em 2000. Como jogador, passou por cinco franquias: Milkwaukee Brewers (1988, 1990-95), Texas Rangers (1996), San Francisco Giants (1997-98), Colorado Rockies (1998-1999) e Mets (1999-2001). Ele se aposentou em 2001, após 13 temporadas, e passou a trabalhar como comentarista em várias emissoras americanas. Ele tinha mais dois filhos de seu primeiro casamento.

(com agência EFE)