Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

IAAF decide manter suspensão à Federação Russa de Atletismo

Grupo foi suspenso em 2015 após denúncias sobre um esquema de doping apoiado pelo governo

O Conselho Diretor da Federação Internacional de Atletismo (IAAF) decidiu nesta terça-feira, 4, manter a suspensão à Rússia, em 2019, até que os dados do laboratório de Moscou sejam enviados, conforme anunciou o presidente da entidade, o britânico Sebastian Coe. “Logicamente, poderão competir sob a bandeira neutra os atletas russos que forem autorizados individualmente, como até agora, sempre que cumpram, estritamente, os critérios em matéria antidoping”, afirmou o dirigente.

A consequência mais imediata da decisão é que a Rússia não poderá participar, com bandeira própria, do Campeonato Europeu de Atletismo em pista coberta, marcado para acontecer em Glasgow, no Reino Unido, em fevereiro do próximo ano.

A Federação Russa de Atletismo foi suspensa pela IAAF em novembro de 2015, após denúncias sobre um esquema de doping apoiado pelo governo. Esta foi a nona extensão da punição aplicada pelo Conselho Diretor da federação internacional.

O grupo, encarregado de avaliar as obrigações definidas para a reabilitação dos russos, considerou que as medidas não foram cumpridas no período estabelecido. Entre os requisitos estão o reconhecimento do esquema de dopagem, e o acesso aos dados do laboratório de Moscou, para que seja feita a reanálise de amostras.