Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

HRT pode dispensar Karthikeyan antes do término da temporada

Embora tenha sido anunciado como piloto titular da HRT para a temporada 2012 da Fórmula 1, o indiano Narain Karthikeyan vive uma instabilidade na escuderia espanhola. O chefe do time, Luiz Pérez-Sala reiterou que o contrato é válido para 20 corridas, mas não assegurou o piloto da Índia presente em todas elas.

O dirigente explicou que a decisão dependerá do desempenho do indiano ao longo da temporada. ‘A ideia agora é que ele corra o ano inteiro, mas nada é garantido na Fórmula 1. Você tem de lutar pelo seu lugar em toda corrida. Mas como as coisas estão agora, Narain e Pedro de la Rosa vão correr a temporada inteira’, comentou.

Um dos fatores que motivaram a contratação pela HRT foi a experiência do piloto de 35 anos, que já havia disputado oito GPs pela escuderia espanhola. ‘Nós o escolhemos por causa de sua familiaridade com os membros da equipe. No ano passado, ele correu em oito das 19 provas conosco e se mostrou muito confiável. Ele raramente tinha problemas, terminando sete corridas. Em sua última, na Índia, ele apresentou uma ótima performance e nós ficamos muito felizes com ele’, pontuou Pérez-Sala.

Ao lado do espanhol Pedro de la Rosa, Karthikeyan irá testar novamente o carro do ano passado nos exercícios de Barcelona. A máquina da HRT foi reprovada nos crash-tests da Federação Internacional de Automobilismo (FIA) e está com o cronograma atrasado para o início da temporada, em março.

‘Nós temos um carro novo e um time novo. Isso significar que vamos começar um pouco atrás, mas acreditamos que para melhorar, às vezes é preciso dar um passo atrás para dar dois à frente’, minimizou o chefe da equipe.