Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Horas antes de eutanásia, torcedor belga assiste vitória de seu time pela última vez

Vítima de doença terminal foi homenageado pela torcida do Club Brugge

Um torcedor do Club Brugge, da Bélgica, causou enorme comoção na Europa em suas últimas horas de vida. Laurenzo Schoonbaert, um homem de 41 anos diagnosticado com uma doença terminal, teve seu último pedido aceito neste domingo antes de optar pela eutanásia: foi ao estádio ver o seu clube ganhar pela última vez.

Homenageado pelos 20.000 torcedores presentes ao Estádio Jan Breydel, Schoonbaert entrou no gramado ao lado da filha Dina, de sete anos. Já com a aparência bastante fragilizada, o torcedor caminhou pelo gramado e deu o pontapé inicial da partida contra o Moeskroen, que terminou com vitória de 3 a 0 do Club Brugge, o líder do Campeonato Belga.

“Eu estou inacreditavelmente feliz. Meu sonho se tornou realidade e posso morrer em paz agora. Vou comemorar do céu”, afirmou Schoonbaert. Além de lhe oferecer um lugar nos camarotes do estádio, o Club Brugge dedicou uma série de homenagens ao torcedor em suas redes sociais.

Schoonbaert já havia passado por 37 cirurgias nos últimos 20 anos e, já em fase terminal, recebeu a eutanásia na noite de segunda-feira. A morte do torcedor foi confirmada pela família em seu perfil no Facebook. “Ele foi valente até o último minuto, tinha tudo sob controle e aproveitou seus últimos momentos com as pessoas próximas ao seu coração”, diz a postagem.

(da redação)