Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Hamilton conquista 7ª pole da temporada na Rússia, Massa fica em 18º

O inglês completou sua melhor volta superando por quase dois décimos o outro piloto da Mercedes, o alemão Nico Rosberg

O britânico Lewis Hamilton, líder do campeonato mundial de Fórmula 1, largará da pole position pela sétima vez da temporada no domingo, no novo traçado do Grande Prêmio da Rússia, depois de ter cravado o melhor tempo do treino classificatório deste sábado, em Sochi.

No novo circuito de rua, que passou por várias instalações usadas nos Jogos Olímpicos de Inverno, em fevereiro deste ano, o inglês completou sua melhor volta em 1:38.713, superando por quase dois décimos o outro piloto da Mercedes, o alemão Nico Rosberg. “Não foi nada fácil, porque os outros estavam muito bem. É uma pista boa com asfalto bem suave para os pneus, que dá bastante aderência”, comemorou Hamilton. Segundo colocado no Mundial, Rosberg, obteve o tempo de 1min38s713. Amanhã, o alemão tentará, pelo menos, reduzir a desvantagem de 10 pontos que tem para o companheiro de equipe.

O brasileiro Felipe Massa, da Williams, teve um problema na bomba de pressão de combustível do motor e largará apenas da 18ª posição por ter sido eliminado logo no Q1, primeira fase do treino. Seu companheiro de equipe, o finlandês Valterri Bottas, voltou a ter um ótimo desempenho e sairá do terceiro lugar do grid, logo atrás das duas Mercedes. O atual tetracampeão Sebastian Vettel, da Red Bull, decepcionou novamente e largará apenas em 11º por ter sido eliminado no Q2.

Leia também:

Em respeito a Bianchi, Marussia terá só um piloto em Sochi

F1: Felipe Massa já pensa em aposentadoria na Williams

“Estou muito desapontado. O carro parecia muito competitivo nesta pista e deveria estar lutando pela segunda fila, pelo menos, mas um problema com o carro no Q1 me empurrou para a parte de baixo do grid. Não tinha potência real ao longo do treino de classificação. Nós estávamos tentando coisas diferentes para resolver isso na pista, mas no final não havia nada que eu pudesse fazer”, afirmou o brasileiro. Apesar disso, o desempenho de seu companheiro de equipe, Bottas, o faz acreditar na possibilidade de recuperação e de somar alguns pontos neste domingo. “A 18ª posição está longe de ser o ideal, mas eu sei que tenho o carro para fazer ultrapassagens amanhã, por isso, devemos ter a chance de marcar pontos e limitar os danos”, concluiu Massa.

Homenagem – Sob o olhar do presidente russo Vladimir Putin, o treino classificatório foi marcado por várias mensagens de solidariedade ao piloto francês Jules Bianchi, que luta pela vida no Japão depois de ter sofrido um grave acidente no último domingo, em Suzuka. Muitos pilotos participaram do treino com um adesivo no capacete exibindo a frase “tous avec Jules” (todos com Jules, em francês). A Marussia, escuderia do francês, usou apenas um carro, com o inglês Max Chilton, que largará em último.

Esta será a sétima vez em 16 classificações disputadas que Hamilton sairá na frente do grid de largada, em prova marcada para acontecer às 8h (horário de Brasília), deste domingo.

(Com Agência France-Presse, EFE e Estadão Conteúdo)