Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Hamilton comemora bom começo e lamenta problemas de Button

O britânico Lewis Hamilton comemorou a boa performance nos primeiros treinos livres para o Grande Prêmio do Canadá, realizados na tarde desta sexta-feira. Por outro lado, o piloto da McLaren, líder nas duas sessões, lamentou os problemas encontrados pelo companheiro e compatriota Jenson Button.

‘Estou muito feliz com meu começo de final de semana. Não choveu nas duas sessões e conseguimos testar vários acertos diferentes’, declarou Hamilton, que dominou o segundo treino livre ao registrar 1min15s259, logo à frente da dupla da Ferrari, o espanhol Fernando Alonso e o brasileiro Felipe Massa.

‘Essa é uma pista ótima para pilotar. É um lugar que requer 100% de comprometimento e no qual o piloto pode realmente fazer a diferença, porque a pista amplia a diferença entre os competidores. Hoje, apesar de os pneus supermacios estarem um pouco mais rápidos, eu preferi usar os macios’, explicou.

Se festejou a própria performance no Canadá, Hamilton lamentou o dia atribulado do companheiro Jenson Button. Com problemas no câmbio, ele foi apenas o 10colocado na sessão que abriu os trabalhos e em seguida terminou na nona posição.

‘Não foi um dia de sorte para o Jenson. Mesmo assim, fiquei satisfeito que ele pelo menos conseguiu completar a sessão e fazer algumas voltas. Esse é um lugar em que é importante acumular quilometragem, porque há alguns muros bem próximos e você tem que aumentar a velocidade gradualmente’, declarou.

Após as seis primeiras etapas do Mundial, Hamilton é o único dos candidatos ao título que ainda não venceu, uma vez que Jenson Button, Fernando Alonso, Nico Rosberg (Mercedes), Pastor Maldonado (Williams), Mark Webber e Sebastian Vettel (ambos da Red Bull) já subiram ao lugar mais alto do pódio em 2012.

Ainda que tenha liderado as duas sessões nesta sexta-feira, Hamilton prevê uma disputa acirrada. ‘Hoje, o dia foi positivo, mas definitivamente o final de semana vai ser apertado não apenas no treino classificatório, mas também na corrida’, declarou o piloto da McLaren.