Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana

Hamilton aprova segundo lugar no grid, mas critica carro

Por Da Redação 12 nov 2011, 14h40

Por AE

Abu Dabi – O inglês Lewis Hamilton liderou o treino deste sábado quase até o final, mas na última volta foi ultrapassado pelo alemão Sebastian Vettel, da Red Bull, que, com o tempo de 1min38s481, garantiu a pole position do GP de Abu Dabi de Fórmula 1. Na segunda posição do grid, com 1min38s622, o piloto da McLaren comemorou o resultado, mas reclamou de seu carro, que, segundo ele, esteve “sem direção” em alguns momentos.

“Na primeira parte, o carro estava bom, mas quando começou a segunda parte do treino senti o carro um pouco sem direção”, afirmou Hamilton, após o treino de classificação neste sábado. “Estas são as limitações do carro. Eu estava forçando bastante enquanto consegui, mas não pude melhorar o tempo na última volta”, lamentou.

Apesar das críticas, Hamilton demonstrou otimismo para a prova deste domingo. Sem vencer desde o GP da Alemanha, disputado no dia 24 de julho, o piloto da McLaren acredita que seu jejum pode ser encerrado nesta etapa, a penúltima do calendário.

“Nós conseguimos que o carro chegasse a um ponto bom em algumas pistas e parece que sempre vamos bem por aqui. Estar competitivo como estamos neste fim de semana é muito encorajador. Estamos na primeira fileira, então podemos ter uma boa corrida”, avaliou o inglês.

Atrás de Hamilton no grid de largada estará o outro piloto da McLaren, o também inglês Jenson Button. Ele anotou o tempo de 1min38s631 e, apesar da terceira colocação, também reclamou da irregularidade de seu carro ao longo do treino deste sábado.

“Eu realmente não consegui achar um balanço que encaixasse perfeitamente neste fim de semana. O carro mudou para o treino”, avaliou Button. “Mas a terceira colocação não é uma posição ruim para começar. Espero que possamos conseguir bater a Red Bull amanhã (domingo)”, completou.

Continua após a publicidade
Publicidade