Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Guarani confirma a permanência de Danilo Sacramento até 2013

O Guarani segue tomando medidas para evitar a saída dos principais jogadores que levaram o clube ao vice-campeonato do Paulista deste ano e conseguiu dar um importante passo rumo a este objetivo nesta quinta-feira. O clube oficializou a renovação de contrato do meia Danilo Sacramento até 2013, garantindo a sua permanência até o término do próximo Campeonato Brasileiro.

Danilo Sacramento está com 29 anos e teve papel de destaque no setor de criação do Bugre durante a competição estadual. Ao lado do experiente Fumagalli, o atleta foi responsável por comandar as jogadas de ataque do time ao longo da competição e ganhou importância junto ao técnico Vadão. O treinador, inclusive, foi o grande mentor por trás de sua negociação, superando a forte rejeição do torcedor diante de um armador que havia disputado a Série B pelo Grêmio-SP no ano anterior.

‘Além de ser um estimulo, é uma forma de retribuir tudo o que o Guarani me deu. A oportunidade de voltar a vestir a camisa de um grande clube e a chance de estar sendo falado pela mídia. Agora, se qualquer time quiser tirar o Danilo do Guarani, os seus dirigentes terão que falar com o presidente do clube’, destacou o meia bugrino.

Mesmo com algumas sondagens para deixar o clube após o término do Paulistão, Danilo Sacramento reforçou que o apoio recebido em Campinas foi fundamental para a sua permanência no Guarani. O atleta espera continuar com a passagem vitoriosa pela equipe e ajudar o clube a se recuperar na Série B. O time soma dois pontos até o momento e ainda não venceu na competição que garante vaga na elite do futebol nacional.

‘Na verdade, eu tive algumas sondagens e o Mingone sabe disso. Nós conversamos e foi um resultado justo, porque o Guarani me deu a oportunidade de estar em um grande clube. Passei quatro anos fora e a maioria das pessoas tinha esquecido o Danilo. Eu estou feliz aqui e esta é uma forma até de eu agradecer o Guarani. Agora está bom para o Danilo e para o Guarani também’, finalizou o atleta.