Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Guarani bate o Mirassol e ganha moral para clássico

Por AE

Campinas – Longe de ter uma atuação de gala, o Guarani fez o suficiente para vencer o Mirassol por 2 a 0, neste sábado, no estádio Brinco de Ouro, em Campinas, pela 14.ª rodada do Campeonato Paulista. E agora vai para o dérbi campineiro, no próximo sábado, em vantagem na tabela de classificação em relação à rival Ponte Preta.

O time alviverde tem 26 pontos, dois a mais do que o alvinegro, que perdeu para o Palmeiras, por 2 a 1, no Pacaembu.

O Guarani não vencia há quatro jogos e ganhou moral ao quebrar esta sequência antes de seu maior clássico. De outro lado, o Mirassol continua com 18 pontos, em 10.º lugar, e perdeu uma série invicta de cinco rodadas.

Mas o primeiro tempo foi ruim tecnicamente. Os dois times não conseguiam trocar mais do que dois passes, cometiam muitas faltas e reclamavam, com razão, da confusa arbitragem. O empate parcial foi justo.

O Guarani voltou diferente na segunda etapa, explorando as jogadas laterais e adiantando a marcação para aproveitar o forte vento a favor. Assim conseguiu seus gols. O primeiro saiu aos 10 minutos, quando Fabinho lançou Bruno Mendes em velocidade. Ele invadiu a área, driblou o goleiro Fernando Leal e tocou devagar para as redes.

O Mirassol não teve tempo de reagir e sofreu o segundo gol. Fumagalli cobrou o escanteio de pé trocado e o zagueiro Everton Páscoa apareceu para se antecipar de cabeça à saída de Fernando Leal, que falhou no lance.

FICHA TÉCNICA

GUARANI 2 x 0 MIRASSOL

GUARANI – Emerson; Oziel, Éwerton Páscoa, André Leone e Medina (Bruno Peres); Fábio Bahia, Rafael Araújo (Willian Favoni), Danilo Sacramento e Fumagalli; Fabinho (Max Pardalzinho) e Bruno Mendes. Técnico: Osvaldo Alvarez (Vadão).

MIRASSOL – Fernando Leal; Eric (Samuel), Igor, Dezinho e Willian Simões; Acleisson, Alex Silva, Vitor Dourado (Borebi) e Gilsinho; Preto e Henrique Dias (Malaquias). Técnico: Ivan Baitello.

GOLS – Bruno Mendes, aos 10, e Everton Páscoa, aos 17 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS – Rafael Araújo (Guarani); Eric e Dezinho (Mirassol).

ÁRBITRO – Thiago Duarte Peixoto.

RENDA – R$ 30.402,00.

PÚBLICO – 3.201 pagantes.

LOCAL – Estádio Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas (SP).