Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Grupos de direitos humanos pedem boicote ao GP do Bahrein

Por Da Redação 8 jan 2012, 11h32

A situação política do Bahrein pode atrapalhar novamente a realização do Grande Prêmio de Fórmula 1 do país. Cancelada no ano passado devido aos protestos existentes no país, a prova virou alvo de protestos de grupos de direitos humanos, que pedem para pilotos e equipes a boicotarem, por conta das repressões violentas aos manifestantes contra o governo e diversas acusações de violações de direitos.

‘Nós faremos uma campanha para pilotos e equipes boicotarem a corrida. O governo quer que a Fórmula 1 diga ao mundo que tudo está de volta ao normal. Se a F-1 vier, vai ajudar o governo a dizer isso. Nós gostaríamos que eles não participassem. Tenho certeza que times e pilotos respeitam os direitos humanos’, afirmou o vice-presidente do Centro do Bahrein por Direitos Humanos, Nabeel Rajab.No ano passado, o GP do Bahrein estava programada para abrir o calendário da Fórmula 1, mas a tensão política e militar do país fez com que a prova fosse adiada para outubro e, posteriormente, cancelada. À época, o governo tentava conter os manifestantes colocando soldados do exército e até mesmo tanques de guerra nas ruas.

Em 2012, no entanto, a situação parece não ser um problema para a F-1. O Grande Prêmio marcado para o dia 22 de abril, como quarta etapa do Mundial, deve ser realizado, de acordo com as pretensões de Bernie Ecclestone, detentor dos direitos comerciais da categoria.

‘Está no calendário. Estaremos lá a não ser que algo terrível aconteça conosco’, disse Ecclestone, em novembro.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo de VEJA. Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app (celular/tablet).

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.



a partir de R$ 39,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet. Edições de Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)