Clique e assine com 88% de desconto

Grosjean não sabia que brigava pelo pódio até voltas finais

Por Da Redação - 10 jun 2012, 19h02

O francês Romain Grosjean foi o segundo colocado do Grand Prêmio do Canadá de Fórmula 1, mas não sabia que estava em posição tão boa até os momentos finais da corrida. Com pneus em boas condições nas últimas voltas, ele realizou ultrapassagens importantes, como sobre o espanhol Fernando Alonso, que sofreu com a degradação de seus compostos.

Nas voltas anteriores, ele também deixou para trás Mark Webber e Nico Rosberg. Ele ainda foi beneficiado pela segunda parada para troca de pneus de Sebastian Vettel, que estava em terceiro.’Eu não sabia que estava em terceiro, então vi Fernando indo devagar e aí estava em segundo. Foi meio maluco no fim da corrida, porque estava pensando em ficar em quarto ou quinto, mas nosso ritmo continuou firme’, disse o jovem piloto da Lotus.

Ao contrário do britânico Lewis Hamilton, que fez duas paradas para trocas de pneus e tinha compostos praticamente novos no fim da corrida, Grosjean parou apenas uma vez. Seu carro no entanto, não degradou tanto os pneus como o de seus rivais e ele conseguiu manter ritmo forte até o fim.

‘O time fez um trabalhando fantástico me dando um carro bom com os pneus, sabíamos que com o calor estaríamos melhor hoje e ainda bem que o sol veio e foi incrível para nós’, celebrou. ‘Isso mostra que estamos bem sintonizados com a equipe e melhorando cada vez’.

Publicidade