Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Grêmio perde para chilenos na abertura das oitavas de final da Libertadores

Por Da Redação 26 abr 2011, 22h52

O Grêmio teve uma atuação conturbada no jogo de ida das oitavas de final da Taça Libertadores. Nesta terça-feira, o time de Renato Gaúcho foi derrotado pelo Universidad Católica, do Chile, por 2 a 1, em pleno Olímpico. diante da sua torcida, no Olímpico. Os anfitriões jogaram com um a menos desde os 34 minutos do primeiro tempo por causa expulsão do atacante Borges.

Com a vitória, os chilenos jogarão por um empate em casa, em Santiago, no jogo da volta, na próxima quarta-feira.

A partida entre Grêmio e Universidad foi típica do torneio continental, com boa movimentação, disputas duras e muita catimba. Empurrado pela torcida, o time da casa tentou impor pressão no ataque no começo do jogo. Os chilenos, na defensiva, esperavam o contra-ataque.

O ímpeto inicial gaúcho durou até o primeiro gol adversário, aos 28 minutos do primeiro tempo. Pratto marcou após recebe passe do rápido Cañete. O nervosismo gremista foi visível. Borges recebeu cartão vermelho pouco tempo depois porque deu uma cotovelada em seu marcador, fora do lance.

Mais na base da raça, o Grêmio empatou aos treze minutos do segundo tempo: Douglas acertou um belo chute no canto direito do goleiro Paulo Garcés.

Os rivais anotaram o gol a vitória quinze minutos mais tarde. Pratto marcou, de cabeça, dando número finais ao jogo.

Oitavas – Nesta quarta-feira, outros dois times brasileiros entram em campo. O Santos recebe o América do México na Vila Belmiro. O Cruzeiro está na Colômbia para enfrentar o Once Caldas. Ambas as partidas estão marcadas para às 21h50. Os confrontos de clubes do Brasil na quinta são Inetr e Peñarol, no Uruguai; e Fluminense e Libertad, no Rio.

Continua após a publicidade
Publicidade