Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Grêmio leva susto, mas marca no fim e derrota Bahia

<p>Por Lucas Azevedo Porto Alegre – Com dois gols nos minutos finais, o Grêmio espantou a “zebra” neste domingo ao derrotar o ameaçado Bahia por 3 a 1, no Olímpico, pela 14ª rodada do Brasileirão. Souza, aos 42, e Marcelo Moreno, aos 47 minutos da segunda etapa, garantiram a nona vitória do time gaúcho na […]</p>

Por Da Redação Atualizado em 11 jan 2022, 22h45 - Publicado em 5 ago 2012, 18h38

Por Lucas Azevedo

Porto Alegre – Com dois gols nos minutos finais, o Grêmio espantou a “zebra” neste domingo ao derrotar o ameaçado Bahia por 3 a 1, no Olímpico, pela 14ª rodada do Brasileirão. Souza, aos 42, e Marcelo Moreno, aos 47 minutos da segunda etapa, garantiram a nona vitória do time gaúcho na competição.

O resultado manteve o Grêmio próximo aos líderes do campeonato. Com 27 pontos, está cinco atrás do líder Atlético Mineiro, e ocupa a quarta colocação. O Bahia, por sua vez, segue na zona de rebaixamento, em 17º, com apenas 12 pontos.

O Grêmio entra em campo novamente na quinta-feira para enfrentar a Ponte Preta, no Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas. Já o Bahia recebe a Portuguesa na quarta-feira, dia 8, no Pituaçu, em Salvador.

O JOGO – Empurrado pela torcida, o Grêmio fez um primeiro tempo tranquilo, com bom domínio em campo, e vantagem no placar. Elano abriu o marcador aos 32 minutos em cobrança de pênalti, sofrido por Kleber. A torcida estava feliz e a vitória parecia encaminhada.

Mas o panorama do jogo mudou no segundo tempo. Com Lulinha no lugar de Ávine, o Bahia melhorou no setor ofensivo e começou a dar trabalho para a zaga gremista. E em uma vacilada sofreu o empate. Fahel cabeceou para as redes, aos 18 minutos, após assistência de Mancini.

Um minuto depois, novo susto para o Grêmio. Lulinha chutou para o gol, o goleiro espalmou, a bola sobrou para Fahel, que aproveitou o rebote e mandou para as redes novamente. O árbitro, contudo, assinalou impedimento.

Abalado, o Grêmio só acordou nos minutos finais. E buscou a reação com gol de Souza, aos 42, de cabeça, após rápida cobrança de escanteio. O gol gerou muita reclamação por parte dos jogadores do Bahia. Mancini acabou sendo expulso.

Jogando mais solto, o time da casa marcou mais um nos acréscimos. Marcelo Moreno recebeu belo passe de Elano, entrou pela esquerda e tocou por cobertura na saída do goleiro Marcelo Lomba, concretizando a vitória gremista.

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

FICHA TÉCNICA:

GRÊMIO 3 x 1 BAHIA

GRÊMIO – Marcelo Grohe; Edilson (Léo Gago), Werley, Gilberto Silva e Pará (Tony); Fernando (Marquinhos), Souza, Elano, Zé Roberto; Kleber e Marcelo Moreno. Técnico:Vanderlei Luxemburgo.

BAHIA – Marcelo Lomba; Diones, Danny Morais, Titi, Ávine (Lulinha); Fabinho, Fahel, Helder e Mancini; Zé Roberto (Ciro) e Júnior (Magno). Técnico: Caio Júnior.

GOLS – Elano (pênalti), aos 32 minutos do primeiro tempo. Fahel, aos 18, Souza, aos 42, e Marcelo Moreno, aos 47 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS – Kleber, Fernando (Grêmio); Mancini, Danny Morais, Zé Roberto, Fahel (Bahia).

CARTÃO VERMELHO – Mancini.

ÁRBITRO – Claudio Francisco Lima (SE).

RENDA E PÚBLICO – Não disponíveis.

LOCAL – Estádio Olímpico, em Porto Alegre (RS).

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Publicidade