Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

GP dos EUA: Hamilton vence 5ª seguida; Massa é o 4º

Britânico voltou a superar Rosberg e abriu 24 pontos na liderança do mundial. Na próxima semana, briga entre Mercedes acontecerá no Brasil

O piloto inglês Lewis Hamilton, da Mercedes, deu um passo importante rumo ao seu segundo título mundial. Na noite deste domingo, ele foi o primeiro colocado do GP dos Estados Unidos, em Austin, e venceu sua quinta corrida consecutiva na temporada da Fórmula 1. Líder da classificação de pilotos, Hamilton largou na segunda colocação, mas superou seu companheiro de equipe e principal rival na disputa pelo título, o alemão Nico Rosberg, com uma bela ultrapassagem na 24ª volta. Agora, Hamilton tem 316 pontos, 24 a mais que Rosberg, que chegou em segundo no Texas. O pódio foi completado pelo australiano Daniel Ricciardo, da Red Bull, que levou a melhor em disputa com o brasileiro Felipe Massa, da Williams, que chegou em quarto.

Leia também:

Família de Schumacher gasta R$ 1,5 milhão por mês com tratamento, diz jornal

GP dos EUA: falta de carros faz FIA mudar regras no treino

À beira da falência, Marussia e Caterham desistem de GP

Companheiro de Massa na Williams, o finlandês Valteri Bottas foi o quinto colocado, seguido pelo espanhol Fernando Alonso, da Ferrari, e pelo atual tetracampeão, o alemão Sebastian Vettel, da Red Bull. A prova de hoje foi a primeira da temporada em que apenas 18 carros participaram das atividades do fim de semana, já que Caterham e Marussia alegaram problemas financeiros e não participaram. Lotus, Sauber e Force India, que ameaçaram boicotar a provar pelo mesmo motivo, correram normalmente. O GP dos Estados Unidos começou muito movimentado, com Rosberg se segurando na largada para manter a liderança, diante do ataque de Hamilton, e Massa ganhando a posição de Bottas, com ultrapassagem logo na primeira curva. Na segunda volta, o safety car entrou na pista, devido a uma colisão entre o alemão Adrian Sutil, da Sauber, e o mexicano Sérgio Pérez, da Force India. No incidente, por pouco Raikkonen também não fica fora da prova.

A prova seguiu em bandeira amarela por duas voltas, e depois da relargada, o ritmo do GP esfriou bastante. Hamilton só conseguiu ultrapassar Rosberg na 24ª volta e Felipe Massa, que vinha com boas parciais, foi prejudicado por um erro da Williams em sua parada nos boxes e perdeu a terceira posição para Ricciardo na volta 33. Nas voltas finais, Rosberg conseguiu diminuir a diferença para Hamilton, mas não teve nenhuma chance de ultrapassagem. O próximo compromisso na temporada 2014 de Fórmula 1 é o Grande Prêmio do Brasil, que será disputado no próximo fim de semana, no circuito de Interlagos, em São Paulo. Mesmo que vença a prova, Hamilton não poderá se sagrar campeão. Se vencer e Rosberg não pontuar, o britânico poderá chegar a 49 pontos de vantagem, deixando o alemão com remotas chances de levantar a taça, pois na corrida final, o GP de Abu Dhabi terá pontuação dobrada e 50 pontos estarão em disputa.

Próximas provas
Data Local Autódromo
09/11 Brasil Interlagos
23/11 Abu Dhabi Yas Marina
As equipes e pilotos
Equipe Pilotos
Red Bull Sebastian Vettel (Alemanha) Daniel Ricciardo (Austrália)
Ferrari Fernando Alonso (Espanha) Kimi Raikkonen (Finlândia)
McLaren Jenson Button (Grã-Bretanha) Kevin Magnussen (Dinamarca)
Lotus Pastor Maldonado (Venezuela) Romain Grosjean (França)
Mercedes Nico Rosberg (Alemanha) Lewis Hamilton (Grã-Bretanha)
Sauber Esteban Gutiérrez (México) Adrian Sutil (Alemanha)
Force India Nico Hulkenberg (Alemanha) Sérgio Pérez (México)
Williams Felipe Massa (Brasil) Valtteri Bottas (Finlândia)
Toro Rosso Daniil Kvyat (Rússia) Jean-Eric Vergne (França)
Caterham* Andre Lotterer (Alemanha) Marcus Ericsson (Suécia)
Marussia* Jules Bianchi (França) Max Chilton (Grâ-Bretanha)

*Equipes que não deverão participar das últimas provas

(Com agência EFE)