Clique e assine a partir de 8,90/mês

Governo descarta fechar Maracanã para obras adicionais

O estádio deverá continuar aberto entre o Mundial de 2014 e os Jogos de 2016

Por Da Redação - 8 abr 2013, 16h06

“O governo mantém contato constante com o comitê e há entendimento entre tais autoridades para a preparação adequada para a realização dos Jogos”, diz nota

O governo do Rio de Janeiro garante que o Estádio do Maracanã, em fase final de obras para a Copa das Confederações, não terá de ser fechado outra vez para uma nova reforma antes da Olimpíada de 2016. Essa possibilidade foi cogitada depois que uma reportagem do canal de TV por assinatura ESPN Brasil revelou que o Comitê Olímpico Internacional (COI) procurou o governo para manifestar sua preocupação em relação a alguns pontos da reforma do estádio para a Copa. A nova versão do Maracanã não atenderia a algumas exigências do COI para a cerimônia de abertura dos Jogos. O encerramento da Olimpíada também será realizado no estádio. Conforme nota divulgada pelo governo nesta segunda-feira, “o Maracanã não será fechado para novas obras após a conclusão das que ocorrem atualmente e que deixarão o estádio pronto para receber a Copa do Mundo, em 2014, e os Jogos Olímpicos, em 2016”.

Leia também:

Maracanã receberá torneio sem nenhum teste de verdade

Maracanã deve reabrir com pelada entre Ronaldo e Bebeto

Em reunião esvaziada, Fifa diz confiar em Maracanã 100%

Leia também:

Em balanço do ano, Valcke enfim se diz satisfeito com país

Continua após a publicidade

Na reta final, surge o temor sobre os ‘puxadinhos’ da Copa

Como a Copa vai obrigar o país a enfrentar seus problemas

revelou que a atual reforma não seguiu completamente nem as recomendações da Fifa, nem as do COI

Acompanhe VEJA Esporte no Facebook

Siga VEJA Esporte no Twitter

(Com Estadão Conteúdo)

Continua após a publicidade
Publicidade