Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Goleiro de Senegal tropeça em si mesmo em simulação bizarra

Khadim N'Diaye perdeu o senso do ridículo para ganhar tempo e garantir liderança de sua seleção na Copa das Nações Africanas

O goleiro Khadim N’Diaye, da seleção senegalesa, protagonizou uma encenação que deixaria até os mais descarados atacantes brasileiros com vergonha alheia. Durante partida da Copa das Nações Africanas diante da Argélia nesta segunda-feira, a equipe de Senegal já estava classificada, mas precisava de um empate para garantir a liderança de seu grupo. Aos 43 do segundo tempo, com o placar em 2 a 2, N’Diaye, então, levou a simulação a um nível absurdo: chutou a própria perna para tropeçar antes de um tiro de meta e fingir uma lesão que paralisou o jogo por alguns minutos. Árbitro e auxiliar não perceberam a atitude patética do arqueiro, que seguiu fazendo cara de dor. O jogo terminou mesmo empatado. Abaixo, a simulação de N’Diaye.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. José Carlos Lopes de Oliveira

    Parece um goleiro de um time brasileiro que jogava na Marginal Sem Número.

    Curtir

  2. pergunto: nao deveria ele ser punido com base nas imagens? Aonde o bom senso não chega , o direito tem que agir, certo? Fato como esse, tão comum na America Latina e ao que parece na Africa, não vejo no futebol europeu… Fair play?

    Curtir

  3. Carlos Marques

    A FIFA deveria ter, tambem, um troféu anual para idiotice.

    Curtir

  4. Marcelinho carioca fez o mesmo contra o Payssandu de Belém.
    Malacos devem ser punidos severamente, até que aprendam que o crime não pode compensar, especialmente na terra soa bandidos.

    Curtir