Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Gol nos acréscimos impede City de se isolar na liderança do Inglês

Por Da Redação 1 jan 2012, 17h38

Madri, 1 jan (EFE).- Um gol nos acréscimos do coreano Ji Dong Won derrubou o Manchester City, que conheceu sua segunda derrota da temporada e foi uma das vítimas da 19ª rodada do Campeonato Inglês, que registrou os tropeços de outros dois grandes times: o United e o Chelsea.

O ano de 2012 começou como terminou 2011, cheio de surpresas. Se no último dia do ano passado a equipe de Alex Ferguson, que completou 70 anos, e o time do português Andre Villas-Boas, foram surpreendidas com derrotas, o novo ano também castigou a equipe do italiano Roberto Mancini.

O Manchester City entrou em campo ciente de que uma vitória o colocaria na liderança isolada do campeonato, a três pontos do seu rival United, atual campeão.

Igualados no topo da tabela, o revés da equipe comandada por Ferguson, em Old Trafford, contra o lanterna Blackburn, foi desperdiçado pelo City, que perdeu para o Sunderland, por 1 a 0.

Com o espanhol David Silva e o argentino Sergio Aguero na reserva, o bósnio Edin Dzeko não conseguiu levar poder ofensivo a equipe.

No intervalo, Roberto Mancini colocou o argentino e, aos dez minutos o espanhol. Com as alterações o City melhorou e arriscou vários chutes com perigo para o goleiro da equipe local, mas o Sunderland conseguiu segurar e, nos acréscimos, em um contra-ataque, Ji Dong Won derrubou os visitantes ao marcar o gol da vitória do time da casa.

No outro duelo deste domingo, o Everton venceu fora de casa o West Bromwich, por 1 a 0, também com um gol no final do jogo. O nigeriano Victor Anichebe balançou as redes aos 42 minutos da etapa final e deu os três pontos ao conjunto de Liverpool.

Com este resultado, o Tottenham pulou para o nono lugar, enquanto o West Brom está em 12º, com 22 pontos. EFE

Continua após a publicidade
Publicidade