Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Gol antológico de Neymar assombra imprensa europeia

Obra de arte feita pelo brasileiro na partida diante do Villarreal ganhou destaque nos principais jornais da Espanha

Dias depois de ficar de fora da eleição para o prêmio Puskás da Fifa de 2015, Neymar marcou um gol que já aparece como forte candidato à premiação do ano seguinte. Neste domingo, o atacante brasileiro assombrou o mundo com mais uma obra de arte na vitória por 3 a 0 do Barcelona sobre o Villarreal, no Camp Nou. Aos 39 minutos do segundo tempo, Neymar recebeu de Luis Suárez e, de costas, aplicou uma espécie de chapéu em si mesmo e no marcador Jaume Costa, antes de bater de primeira e marcar o golaço. Naturalmente, o atacante ganhou a capa dos principais jornais da Espanha nesta segunda-feira e viajou em alta para as partidas da seleção brasileira nas Eliminatórias, contra Argentina e Peru.

Leia também:

Neymar celebra fase no Barça: ‘Agora me sinto em casa’​

Com Neymar mascarado, Barça celebra Halloween após vitória e irrita adversários

Neymar dança (de novo) e Messi faz pegadinha em comercial do Barça

Os principais jornais esportivos do país detalharam a jogada de Neymar em frames. O catalão Mundo Deportivo dedicou uma página inteira ao lance e, com a manchete “Neymardinho”, comparou o atacante a Ronaldinho Gaúcho, que também encantou o Camp Nou com seus dribles e improvisações, cerca de dez anos atrás. O diário Sport, também de Barcelona, exaltou a “obra de arte” e recordou que Neymar já marcou 37 gols em 2015, apenas quatro a menos que Lionel Messi, que segue lesionado. A publicação ainda dedicou nota 9 ao brasileiro por sua atuação.

Até mesmo o diário Marca, muito ligado ao rival Real Madrid, se rendeu ao talento do craque do Barcelona. “Uma pérola que deixaria Pelé orgulhoso”, escreveu o principal jornal esportivo espanhol. O talento de Neymar também impressionou os treinadores do encontro. “Está em grande forma, crescendo, é jovem e já podemos dizer que é o jogador mais determinante da Liga”, afirmou Marcelino Garcia Toral, do Villarreal. Já Luis Enrique, que celebrou muito mais do que de costume o gol do brasileiro, também o comparou com Ronaldinho. “Tive a sorte de jogar com Ronaldinho. Nos treinamentos, ficávamos vendo como ele brincava com a bola. Com Neymar acontece o mesmo, é um desses jogadores únicos”.

Com Neymar e Suárez imparáveis mesmo sem a presença do astro Messi, o Barcelona abriu vantatem sobre o Real Madrid na rodada que antecede o clássico do dia 21, no Santiago Bernabéu. Neste domingo, o time de Cristiano Ronaldo perdeu por 3 a 2 para o Sevilla, fora de casa, e deixou o rival disparar na liderança da liga espanhola, com 27 pontos, contra 24 do Real. Neymar é o artilheiro do campeonato com 11 gols, à frente de Suárez, com 9, e Cristiano Ronaldo, com 8.


(da redação)