Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

GM do Brasil suspende a importação do velho Omega

Em sua última versão, o sedã de luxo da Chevrolet era trazido da Austrália

Por Da Redação 21 dez 2012, 09h43

O sucesso de público e crítica rendeu ao modelo um prêmio da revista Quatro Rodas em 1993

Depois de completar duas décadas de lançamento no Brasil, o sedã de luxo Chevrolet Omega se despede do mercado nacional. Sem anunciar oficialmente a decisão, a General Motors está suspendendo a importação do modelo que é produzido pela marca Holden, na Austrália. Por causa disso, o Omega, até há pouco o terceiro mais caro da gama Chevrolet no país – custava 161.000 reais, ficando atrás apenas do esportivo Camaro e do novo SUV Trailblazer -, não consta mais do cardápio de veículos disponíveis no site oficial da GM do Brasil.

Leia também:

A marca Lincoln ressuscita, de olho no mercado de luxo

Continua após a publicidade

EcoSport ganha câmbio automático e tração 4×4: preços vão de R$ 63.390 a R$ 74.590

Test drive: o novo EcoSport, todo novo mesmo, e bem melhor

Leia também:

Nos carros, o branco nunca sai de moda, diz pesquisa

Versão flex do Tucson chega às lojas, a partir de R$ 67.500

Mini Cooper S Roadster: o prazer de dirigir sem capota

Continua após a publicidade

Publicidade