Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Givanildo reconhece queda física e ironiza reclamação de André Dias

O clima ficou quente no América-MG depois do empate contra o Avaí, pela 23rodada do Campeonato Brasileiro. O técnico do clube de Belo Horizonte, Givanildo Oliveira, concordou que seu grupo teve uma clara queda física quando vencia por 2 a 0 e foi enfático ao tratar da reclamação do atacante André Dias por ter sido substituído.

O América-MG manteve os dois gols de vantagem até os 32 minutos da etapa complementar. Em quatro minutos, cedeu o empate ao adversário. Mas Givanildo Oliveira observou a queda física da equipe já a partir dos 20 minutos.

‘Não tivemos força e fomos castigados pela troca de passes do Avaí. Nós pagamos por isso’, afirmou.

Além de continuar na lanterna do Campeonato Brasileiro, o América-MG terá de administrar uma polêmica. Ao ser substituído neste sábado, o atacante André Dias teve uma reação explosiva de discordância com a decisão de Givanildo Oliveira.

‘Ele precisa entender que quem entrou em seu lugar também faz parte do grupo do América. Na hora que precisa tirar, o treinador vai tirar. Se não gostou, pode pedir para ir embora’, comentou o comandante americano, sem medir as palavras.