Clique e assine com 88% de desconto

Geninho mexe no ataque e prioriza finalizações em treino da Lusa

Por Da Redação - 17 jul 2012, 19h33

Os 11 gols marcados nos nove jogos disputados pela Portuguesa no Brasileiro continuam preocupando o técnico Geninho. Após perder por 2 a 1 para o Sport e deixar Recife com sua terceira derrota seguida no torneio, o treinador não escondeu o descontentamento com o ataque de sua equipe e promoveu nova alteração no setor antes do duelo desta quarta-feira, contra o Cruzeiro. Dessa vez, o atacante William Xavier terá a missão de balançar as redes e encerrar a sequência negativa da equipe no torneio.

No último treinamento antes do time enfrentar os mineiros no Canindé, Geninho cobrou maior empenho dos atacantes e reclamou de como o time se comportava a cada nova jogada criada pelos meias. ‘Não precisa ir todo mundo nessa bola. O Romário se consagrou parado dentro da área’, bradou o treinador em uma cobrança de escanteio. Em outra oportunidade, o comandante interrompeu o coletivo após um passe errado na intermediária e deu dicas de como o time poderia trabalhar a bola antes de chegar ao ataque.

Com apenas um tempo de coletivo, Geninho manteve William Xavier no lugar de Ricardo Jesus e submeteu os atletas com características ofensivas a uma atividade de finalizações. Enquanto o preparador físico da equipe imitava um zagueiro adversário, os jogadores giravam sobre a falsa marcação e concluíam ao gol defendido por Dida e Gledson. O trabalho, entretanto, não teve bom aproveitamento e deixou o treinador com o semblante fechado na beirada do campo.

Alheio aos problemas do ataque, o volante Ferdinando deixou o time reserva para atuar pelos titulares durante toda a atividade desta terça-feira. O jogador retornou ao Canindé recentemente e entrou em campo pela primeira vez na derrota para o Sport. Como Léo Silva está suspenso por ter recebido o terceiro cartão amarelo, o técnico promoveu a sua entrada na equipe principal pela primeira vez e praticamente fechou o time para o confronto com o Cruzeiro.

Publicidade

A única ausência no coletivo foi o zagueiro Lima. O atleta se sentiu cansado nesta terça-feira e foi poupado pelo departamento médico para ter condições de reforçar o setor defensivo rubro-verde. Sem qualquer alteração de última hora, a Portuguesa entrará em campo com Dida; Gustavo, Lima e Rogério; Luís Ricardo, Guilherme, Ferdinando, Moisés e Marcelo Cordeiro; Ananias e William Xavier.

Publicidade