Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Gabriel Medina é indicado ao ‘Oscar do Esporte’

Surfista vai concorrer ao Prêmio Laureus na categoria Melhor Atleta de Ação

Por Da Redação - 11 fev 2015, 08h49

O inédito título mundial de surfe rendeu ao brasileiro Gabriel Medina uma indicação ao Prêmio Laureus, conhecido como o “Oscar do Esporte”. Nesta quarta-feira, foi anunciado que Medina disputará o troféu de Melhor Atleta de Ação de 2014 com a campeã mundial da modalidade no feminino, a australiana Stephanie Gilmore, o americano Nyjah Huston, do skate, o snowboarder americano Sage Kotsenburg, o ciclista britânico Danny MacAskill e americano Alan Eustace, recordista mundial de queda livre. A cerimônia está marcada para 15 de abril, em Xangai, na China.

Leia também:

Gabriel Medina exibe pranchas coloridas para a temporada​

Campeão, Gabriel Medina encara rotina de celebridade

Publicidade

Gabriel Medina troca festa por solidariedade

– e reencontra o pai

Gabriel Medina é recebido com festa na volta ao Brasil

Os atletas são indicados ao Laureus por meio de uma votação realizada por jornalistas do mundo inteiro. Na edição de 2014, o Brasil foi representado pela surfista Maya Gabeira e pelo skatista Bob Burquist na mesma categoria, mas nenhum dos dois levou o prêmio.

Publicidade

O surfista de Maresias, que recentemente completou 21 anos e atualmente treina no Havaí para o início da temporada de 2015 do WCT, foi bastante elogiado por Robby Naish, membro da Laureus World Sports Academy e campeão mundial de windsurfe em 22 oportunidades.

“Foi um desempenho fantástico para um atleta de 20 anos de idade. Ele surfou com consistência durante o ano todo, mas ainda precisou manter o controle para conquistar seu título no Havaí, em dezembro. Isso exige cabeça fria nessa idade. Podemos estar entrando em uma nova era de jovens surfistas emocionantes e acho que Gabriel poderia ser uma força importante no futuro. Ele certamente merece a indicação este ano e eu o parabenizo”, explicou Naish.

Indicados – Apesar do grande feito, Medina não foi incluído na lista de indicados ao prêmio máximo do Laureus. Na categoria masculina, concorrem ao prêmio de Melhor do Ano o tenista sérvio Novak Djokovic, o britânico Lewis Hamilton, campeão de Fórmula 1, o corredor francês Renaud Lavillenie, o golfista Rory McIlroy, o piloto espanhol de MotoGP, Marc Márquez, e o atacante português Cristiano Ronaldo, eleito o Bola de Ouro da Fifa.

Entre as mulheres, concorrem as tenistas Serena Willians, dos Estados Unidos, e Na Li, da China, as esquiadora Marit Bjørgen, da Noruega, e Tina Maze, da Eslovênia, e as fundistas Valerie Adams, da Nova Zelândia, e Genzebe Dibaba, da Etiópia.

Publicidade

(Com Gazeta Press)

Publicidade