Clique e assine a partir de 8,90/mês

Futebol: clubes terão 20 anos para pagar dívidas de R$ 4 bi

Ministro do Esporte, George Hilton, disse que até a próxima sexta-feira o governo deve editar a medida provisória que parcela a dívida fiscal dos clubes

Por Da Redação - 17 mar 2015, 19h31

O ministro do Esporte, George Hilton, disse nesta terça-feira à tarde que até a próxima sexta-feira o governo deve editar a medida provisória que parcela a dívida fiscal dos clubes de futebol. Após reunião com o presidente do Senado, Renan Calheiros, o ministro afirmou que a MP inclui uma contrapartida dos clubes que aderirem ao refinanciamento, como a responsabilização de quem não cumprir normas financeiras e trabalhistas e até o rebaixamento do clube que deixar de pagar o parcelamento. Assim, os clubes terão 240 meses para pagar suas dívidas que, juntas, somam 4 bilhões de reais. O governo defendia o refinanciamento em 180 meses com uma entrada de 10% do valor do débito, mas esse percentual também não será mais cobrado.

O anúncio do texto da MP seria feito na manhã desta terça-feira pelo ministro Pepe Vargas (Relações Institucionais) na Câmara, mas os deputados foram avisados que ele não viria. Quem apareceu foi o ministro do Esporte, George Hilton, que informou que o texto só seria apresentado à tarde na Casa Civil.

A Câmara discute uma proposta há um ano e meio. O texto dos parlamentares é considerado mais benevolente com os times de futebol. Paralelamente, o governo montou um grupo de trabalho interministerial para também fazer uma proposta. Um dos moptivos da demora no texto seria que o Ministério da Fazenda ainda faz ajustes na proposta.

(Da redação)

Continua após a publicidade
Publicidade