Clique e assine com até 92% de desconto

Fucile sofre lesão após goleada e preocupa Santos na Libertadores

Por Da Redação 15 abr 2012, 18h51

O lateral direito Fucile sofreu uma lesão na goleada do Santos, neste domingo, e virou dúvida para o próximo compromisso da equipe na Copa Libertadores. O jogador tem uma suspeita de entorse e apresentou um inchaço considerável na região contundida, tornando incerta a sua escalação na partida de quinta-feira, contra o The Strongest, na Bolívia.

A dividida que deixou o atleta com dores ocorreu aos sete minutos da etapa inicial, quando o uruguaio tentou o cruzamento e foi desarmado por seu marcador. Mesmo recuperado em um primeiro momento, o atleta voltou a se queixar do incômodo e precisou ser substituído por Adriano, aos 25 minutos.

Apesar da possível ausência de um importante titular no duelo que definirá o líder do Grupo 1 do torneio continental, o técnico Muricy Ramalho não se mostrou apreensivo com a ausência de Fucile. Satisfeito com a atuação do volante Henrique na posição desfalcada, o treinador acenou com a possibilidade de escalar o atleta novamente se o uruguaio não se recuperar até o duelo.

‘O Fucile nos preocupa um pouco. Parece que ele teve uma entorse, inchou um pouquinho o local, mas quinta-feira é um outro dia. Se ele não tiver condições, o Henrique entrou bem e poderá atuar de novo. Ele sabe fazer a cobertura para o Juan jogar pelo lado esquerdo. Eu acho que a gente está com um bom elenco nesse momento para suprir esses desfalques’, analisou Muricy Ramalho.

Mesmo sem o lateral direito em campo, o Santos dominou toda a partida neste domingo e não sofreu em nenhum momento com a pressão do Catanduvense. O time impôs o seu padrão de jogo ao adversário rebaixado no Paulistão e conquistou uma grande goleada por 5 a 0, confirmando o terceiro lugar no Estadual. Agora, o clube enfrentará o Mogi Mirim na próxima fase da competição.

Continua após a publicidade
Publicidade