Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

França segue em negociação para receber etapa da Fórmula 1

Por Da Redação 30 mar 2012, 14h50

A França ainda negocia a possibilidade de receber uma etapa do Mundial de Fórmula 1. Para reduzir os custos, o país quer abrigar uma corrida a cada dois anos e precisaria revezar com outro país, possivelmente a Bélgica. Desta forma, diferenças financeiras dificultam o acordo.

A França recebeu a principal categoria do automobilismo mundial pela última vez no ano de 2008, em Magny-Cours. François Fillon, primeiro-ministro francês, visitou o circuito de Paul Ricard e garantiu que as negociações para trazer a corrida de volta estão progredindo, porém citou os entraves que precisam ser solucinados.

‘Não é possível organizar uma corrida todo anoe outra em outro país’, disse. Ele adiantou que já há um acordo provisório com Bernie Ecclestone, detentor dos direitos comerciais na Fórmula 1, porém ainda existe uma diferença de 2 milhões de euros em relação à pedida dos organizadores, além da questão de procurar uma outra sede.

‘Os organizadores aprovaram, mas sem dizer qual será o outro país’, declarou o primeiro-ministro em meio a especulações de que a etapa poderia ser alternada com a Bélgica. ‘As propostas são bem razoáveis, mas ainda não está resolvido’, completou Fillon.

Até que o acordo seja finalizado, de acordo com o primeiro-ministro, não é possível estabelecer a data em que a corrida seria inserida no calendário, o que significa que a prova pode não acontecer até 2014. Fillon ainda avisou que o governo francês não está disposto a apoiar financeiramente o evento.

Continua após a publicidade
Publicidade