Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Fragilizado, Barça enfrenta o Bayer Leverkusen na ‘Champions’

O Barcelona, que praticamente disse adeus ao título de Campeão Espanhol após deixar o Real Madrid abrir 10 pontos de vantagem, aposta todas as suas fichas na Liga dos Campeões, na qual enfrenta os alemães do Bayer Leverkusen nesta terça-feira pela partida de ida das oitavas de final da competição europeia.

O time catalão, que defende o título conquistado no ano passado, sofreu sua segunda derrota da temporada na liga espanhola no último sábado ao perder por 3 a 2 na casa do Osasuna, espera se recuperar na ‘Champions’, na qual somou cinco vitórias e um empate e marcou 20 gols em seis partidas pela fase de grupos.

Porém, os comandados do técnico Josep Guardiola mostraram dificuldades para impor seu jogo fora do Camp Nou, onde têm menos de 50% de aproveitamento, ao somar apenas 16 pontos de 33 possíveis no Campeonato Espanhol (nesta altura da competição, tinham somado 31 na temporada passada e 27 em 2009-2010).

“Sofremos bastante fora de casa, as coisas não aconteceram da forma que gostaríamos, mas posso garantir que não foi por falta de dedicação da nossa parte”, confessou o capitão da equipe catalã, o zagueiro Carles Puyol.

O Barça também sofre com o desgaste provocado pelo acúmulo de jogos no mês de janeiro, principalmente na Copa do Rei da Espanha, na qual se classificou para a final, após confrontos muito complicados contra o Real nas quartas e o Valencia nas semifinais.

Muitos jogadores importantes do elenco ‘blaugrana’ se lesionaram nas últimas semanas, mas a maioria deve estar recuperada a tempo para o jogo desta terça-feira.

Entre eles, os meias Andrés Iniesta e Xavi, poupados na derrota de sábado contra o Osasuna. O volante Sergio Busquets, que sofreu um corte profundo no joelho já dez dias na vitória por 2 a 1 diante do Real Sociedad, voltou a treinar com o grupo e poderá ser escalado como titular.

Guardiola só não poderá contar com David Villa e Ibrahim Affelay, que sofreram cirurgias recentemente e ainda vão desfalcar a equipe por alguns meses.

O técnico deve apostar em promessas das categorias de base, como o meia Cristian Tello, de 20 anos, que se destacou nas últimas partidas.

Assim como o Barça, o Bayer também enfrenta uma fase difícil no seu campeonato nacional, já que ocupa apenas a sexta posição da Bundesliga, quinze pontos atrás do líder Borussia Dortmund, que o derrotou por 1 a 0 no sábado.

Na ‘Champions’, os alemães conseguiram a façanha de se classificar para as oitavas, ao terminar na vice-liderança do grupo E, um ponto atrás do Chelsea, deixando para trás o Valencia.

O técnico Robin Dutt não poderá contar com o veterano Michael Ballack, de 35 anos, que sofreu uma lesão no joelho, e terá outros dois desfalques importantes, o suíço Eren Derdiyok, artilheiro do time, e o meia Sidney Sam.

O meia brasileiro Renato Augusto (ex-Flamengo) deve ser escalado como titular.

— Possíveis escalações:

Barcelona: Valdés – Alves, Puyol, Piqué, Abidal – Xavi, Mascherano (ou Busquets), Iniesta – Alexis Sánchez (ou Cuenca), Messi, Fábregas.

Técnico: Josep Guardiola

Bayer Leverkusen: Leno – Corluka, Schwaab, Friedrich, Kadlec – Rolfes, L. Bender – Castro, Renato Augusto, Schürrle – Kiessling

Técnico: Robin Dutt