Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Fortaleza recebe Flamengo e faz campanha contra torcedores ‘mistos’

Lanchonete do clube cearense corta sabor de pizza em ação de marketing polêmica que visa valorizar o futebol nordestino

O Fortaleza, um dos quatro clubes nordestinos da Série A do Brasileirão, idealizou para esta quarta-feira 16, dia em que recebe o líder Flamengo no Castelão, uma campanha de combate aos ‘mistos’, como são chamados os torcedores que se dividem entre dois clubes do coração, geralmente um da própria região e outro do Rio de Janeiro ou de São Paulo. A ação – preparada não por acaso para o duelo contra o time de maior torcida do Brasil e também da região Nordeste –, reacende uma velha controvérsia com raízes históricas. O jogo começa às 20h e será transmitido pelo canal Premiere.

Na noite de terça-feira, 15, o Fortaleza anunciou que a ​Cantina 1918, o restaurante temático do tricolor cearense, excluiu de seu cardápio a opção de pizza de sabor misto, em exaltação a seus “torcedores de verdade”. A medida gerou controvérsia nas redes sociais, sobretudo entre flamenguistas, que segundo a última pesquisa do DataFolha, respondem por 27% da torcida nordestina, contra apenas 4% de Bahia e Sport e 2% do Fortaleza.

O debate é antigo, não apenas no Nordeste, mas também nas regiões Norte e Centro-Oeste, onde rubro-negros cariocas também são maioria. Os críticos dos “mistos” apontam que, ao longo de décadas, a mídia impôs a popularização dos times do chamado “eixo” ao transmitir apenas jogos de equipes cariocas e paulistas. Além disso, a distribuição desigual de cotas de TV e patrocínios é vista como um fator decisivo para que a população não apoie integralmente os times de sua região, que sofrem para chegar às divisões de elite.

Além da promoção das pizzas, a torcida do Fortaleza prepara outras ações para a partida diante do líder do campeonato, como um enorme mosaico na arquibancada. Fotos divulgadas por torcedores mostraram o técnico Rogério Ceni ajudando na montagem do desenho, na última madrugada. O conteúdo é mantido em segredo, mas especula-se que se trata de um desenho do Cristo Redentor – o que seria mais uma provocação aos torcedores mistos.

Debate nas redes sociais

A postura do Fortaleza foi encampada pelo perfil oficial da Copa do Nordeste e gerou uma acalorada repercussão. Enquanto muitos apoiaram a medida, citando argumentos históricos e culturais, outros, especialmente flamenguistas, acusaram o clube cearense de preconceito.

Houve também quem apontasse hipocrisia do Fortaleza pelo fato de o clube mandante ter aumentado a carga de ingressos para o visitante para quase 15.000 lugares – mais de 20% do total, ou seja, o dobro do padrão.