Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Fonseca lamenta derrota do ABC: perdemos para nós mesmos

Um pênalti bobo, cometido por Flávio Boaventura fora do lance custou a expulsão do zagueiro e mais uma derrota para o ABC. O revés, por 2 a 1, neste sábado, também colocou o clube potiguar na zona de rebaixamento ao final da décima rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

Para Ademir Fonseca, treinador recém chegado à Natal, o ABC vem entregando as vitórias aos diversos com falhas consideradas ‘bobas’.

‘Nesses dois jogos que fiz pelo ABC, perdemos para nós mesmos. Fomos vibrantes, aguerridos, mas ainda falta alguma coisa para vencermos. Temos perdido jogos nos detalhes, em erros nossos. No outro jogo ‘(derrota por 1 a 0, contra o Vitória)’, lance fatal, lateral, e o cara colocou a bola pra dentro. Aqui, a bola na mão do Andrey e nosso jogador perdeu a cabeça, trocou socos e o árbitro marcou pênalti’, reclamou.

O ABC vinha fazendo uma partida equilibrada, mas não pode fazer nada depois que ficou com dez em campo e viu Wellington Saci desempatar o placar para o Atlético-PR.

Renatinho Potiguar, lateral-esquerdo que participou da jogada do gol abcedista, acredita que a expulsão foi determinante para a derrota, mas o resultado na surpreende.

‘Foi um bom jogo, nossa equipe, quando estava com onze estava bem encaixada. Lutamos bastante. Infelizmente, quando acontece uma expulsão, o Atlético-PR jogando em casa, a equipe cresce. Agora é trabalhar, porque não é nada de anormal perder aqui para o Atlético-PR e temos jogo em casa na terça’, afirmou.

‘A equipe se portou razoavelmente bem em vários aspectos. No cômputo geral, se entregaram, correram…’, analisou Fonseca.

O treinador chegou até a dizer que o árbitro Paulo César de Oliveira não deveria ter marcado o pênalti, mas insistiu que os erros do próprio ABC é que causaram o revés.

‘Jogada já tinha passado e os dois se chocaram. Mas aí é questão de interpretação. Flávio é jogador de temperamento alto. Vinha fazendo boa partida. Deixou os nervos subirem à cabeça no momento Agente não pode dar chance pro adversário. Temos que ter autocontrole’, disse.

Fonseca terá dura missão para dar fim à sequência de resultados negativos do ABC na terceira partida no comando da equipe. O adversário nesta terça será o Criciúma, atual líder da Série B, em partida marcada para às 21h50 (de Brasília), no Frasqueirão.