Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Fluminense trata com cautela possível retorno do argentino Conca

A torcida do Fluminense vem fazendo grande pressão nas redes sociais para que o clube acerte o mais rápido possível a contratação do argentino Darío Conca, que está no Guangzhou Evergrande, da China. O jogador vem manifestando o desejo de retornar ao futebol brasileiro e chegou a ignorar as propostas de outros clubes para dar preferência ao Tricolor, já que é muito identificado com a equipe das Laranjeiras. O cenário é favorável, mas mesmo assim a diretoria prefere agir com cautela para evitar possíveis frustrações.

O interesse por Conca surgiu no meio de junho, quando o Flamengo anunciou que iria se esforçar para contratar o jogador. Pressionada pela torcida, a diretoria do Fluminense entrou na disputa e conseguiu do jogador a prioridade em caso de um retorno ao país. Neste meio tempo Conca negociou com o Guangzhou Evergrande os valores para pagamento de uma possível multa rescisória em caso de saída do clube. O apoiador ou qualquer outro clube interessado teria que indenizar os chineses em R$ 7,5 milhões.

O meia passou esses valores a Rodrigo Caetano, diretor de futebol do Flu e responsável para tratar do assunto. Porém, o Tricolor ainda não formalizou uma proposta, pois é preciso cercar todas as partes de um acordo com a Unimed, principal patrocinadora do clube e que teria papel fundamental para arcar com os salários do argentino. Atualmente a folha salarial do Tricolor é uma das mais altas do futebol brasileiro, contando com nomes de peso como Deco, Thiago Neves e Fred.

‘Nós sabemos que não estamos falando de uma negociação qualquer e sim de algo que envolve uma soma financeira considerável. Claro que a vontade de o Conca de voltar ao Fluminense pesa bastante, assim como o desejo de nossa torcida. Mas não podemos nos precipitar em nada. Posso dizer apenas que estamos cuidando deste assunto de forma interna, evitando especulações e conversando diretamente com o jogador’, explicou o presidente Peter Siemsen.

Porém a demora do Fluminense em formalizar uma proposta já está sendo vista com certa impaciência por Conca, que autorizou o seu empresário, Régis Marques, a conversar com outros clubes. O Flamengo está no aguardo do desfecho da negociação para investir alto no argentino, visto na Gávea como um nome capaz de fazer a torcida esquecer a saída de Ronaldinho Gaúcho.

Darío Conca foi contratado pelo Fluminense em 2008, após se destacar pelo Vasco. Teve grande desempenho em seu primeiro ano no Tricolor, fazendo parte da campanha que culminou no vice-campeonato na Copa Libertadores. Em janeiro de 2009 foi assediado pela primeira vez pelo Flamengo. A torcida tricolor pressionou, fez uma espécie de ‘vaquinha’ pela internet e forçou o clube a renovar o vínculo. Porém a temporada foi fraca e o grande feito foi o vice na Copa Sul-Americana e a arrancada que livrou o risco de rebaixamento no Campeonato Brasileiro. As maiores glórias viriam em 2010, quando o meia foi o craque do Brasileirão conquistado pelo Fluminense após 26 anos de jejum. Em 2011, após a eliminação na Copa Libertadores, Conca se transferiu para o futebol chinês, prometendo retornar um dia ao clube.

Dentro de campo o elenco segue se preparando para o clássico contra o Flamengo, marcado para este domingo, às 16h(de Brasília), no Engenhão, pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro. A principal expectativa é pelo aproveitamento do atacante Fred, que se recupera de dores musculares na coxa direita. Na terceira colocação do Campeonato Brasileiro, com 15 pontos conquistados, o Tricolor busca a quarta vitória consecutiva na competição para tentar, enfim, assumir a liderança.