Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Fluminense promete ousadia e ofensividade para derrotar Ceará

Os jogadores do Fluminense vêm adotando o discurso de que pretendem recuperar os pontos perdidos em casa, na derrota de 2 a 0 para o Atlético-MG, já no confronto do próximo sábado, às 18 horas (de Brasília), diante do Ceará, no Estádio Presidente Vargas, em confronto válido pela 32rodada do Campeonato Brasileiro.

Para que essa meta seja alcançada, porém, eles têm em mente a necessidade de o Tricolor adotar uma postura ofensiva desde os primeiros minutos, principalmente porque o adversário vai querer mandar no jogo, uma vez que precisa do resultado para se distanciar da zona de rebaixamento.

‘O Fluminense vai jogar como sempre tem feito no Campeonato Brasileiro, em busca da vitória. Essa é uma característica da nossa equipe e ficou evidente em algumas partidas que conseguimos ganhar como visitantes, como contra o Palmeiras. Contra o Ceará não vai ser diferente, ainda mais que precisamos muito dessa vitória para seguir com nossos objetivos na competição’, disse o lateral direito Mariano.

O meia Marquinho, que retorna de suspensão, é outro que acredita em um Fluminense ofensivo no Nordeste: ‘Um empate agora, mesmo fora de casa, não pode ser considerado um bom resultado, porque deixa a gente ainda mais distante do topo da tabela de classificação. Vamos ter que ser ousados e buscar a vitória ao longo dos noventa minutos. Não vai ser fácil, já que o Ceará também precisa de pontos, mas uma postura ofensiva pode deixar a gente mais perto dos três pontos’.

O Fluminense tem problemas para este compromisso e muitas modificações devem acontecer, a começar pela zaga, que se tornou uma dor de cabeça. Leandro Euzébio foi expulso diante dos mineiros e terá que cumprir suspensão. Elivélton, de apenas 19 anos, e revelado nas categorias de base, terá a primeira oportunidade como titular, compondo dupla com Márcio Rosário. O setor vem sofrendo principalmente por conta das lesões de Gum e de Digão, que não poderão mais jogar em 2011.

No meio-de-campo, Rodrigo vai ser barrado, já que Marquinho volta de suspensão. Edinho terá a companhia de outro volante que ainda não está definido entre Diogo e Fernando Bob. Voltando de lesão, Diguinho corre por fora. O brasileiro naturalizado português Deco, poupado na rodada passada, reaparece no posto do argentino Lanzini, mais um barrado.

No ataque, o argentino Martinuccio será barrado para a volta de Fred, outro que estava suspenso contra o Galo. O artilheiro formará dupla com Rafael Sóbis. Sendo assim, o provável time do Tricolor para este sábado terá: Diego Cavalieri; Mariano, Márcio Rosário, Elivélton e Carlinhos; Edinho, Diogo, Marquinho e Deco; Rafael Sobis e Fred. Nesta quinta-feira os jogadores treinam na parte da tarde, nas Laranjeiras, e logo depois seguem para o aeroporto a fim de embarcarem para Fortaleza, onde treinam na sexta-feira.