Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Fluminense escalará Digão de titular contra o Boca Juniors

Rio de Janeiro, 5 mar (EFE).- O Fluminense, que viaja nesta segunda-feira rumo a Buenos Aires para a partida de quarta contra o Boca Juniors pela Taça Libertadores, escalará o zagueiro reserva Digão para tentar pôr fim à série de 36 partidas invictas do rival.

Digão foi escolhido pelo técnico Abel Braga para substituir Leandro Euzébio, suspenso por um jogo após ter sido expulso na vitória do Flu contra o Arsenal, por 1 a 0.

O zagueiro fará a dupla de zaga ao lado de Anderson, tendo que assumir a responsabilidade por tomar conta do setor que é considerado o mais frágil do time tricolor.

‘Se ficarmos somente atrás, vamos perder. Isso me preocupa. O Boca Juniors é muito agressivo e não podemos nos limitar a defender. Sei que precisamos trabalhar e melhorar muito a defesa e por isso prefiro evitar que ela fique exposta’, disse o técnico do time carioca.

‘Não podemos ficar apenas na defesa. Temos que tentar jogar de igual para igual. Viajo com a intenção de vencer, vamos atacar. Não podemos nos encolher diante de uma equipe como o Boca em seu estádio’, declarou Abel.

O treinador aposta no seu poderoso ataque, com o artilheiro Fred, o habilidoso Wellington Nem, além da criatividade de Deco e do poder de finalização de Thiago Neves.

Abel também decidiu escalar Valencia de titular, mesmo após a recuperação de Edinho, que antes era seu titular absoluto.

‘Não vamos nos encolher. Vamos ao ataque. Perder é normal. E perder por 3 a 0 é o mesmo que perder por 1 a 0. Mas quero atitude. Se não tivermos atitude, sairemos derrotados. Precisamos mostrar vontade de vencer desde o começo e causar medo. Assim poderemos equilibrar a partida’, afirmou o treinador.

A partida é considerada uma revanche para os argentinos, já que o tricolor das Laranjeiras eliminou o Boca nas semifinais da Copa Libertadores de 2008, após um empate em 2 a 2 no primeiro jogo, em Buenos Aires, e uma vitória do Flu por 3 a 1 na segunda partida, no Maracanã.

Outro destaque será a presença da torcida tricolor na capital argentina, que deve ter cerca de 4 mil pessoas, entre torcedores do Flu e aliados do Vélez, que prometem ajudar os tricolores dentro e fora da Bombonera.

A provável escalação do Fluminense em Buenos Aires é a seguinte: Diego Cavalieri; Bruno, Digão, Anderson e Carlinhos; Valencia, Diguinho, Deco e Thiago Neves; Wellington Nem e Fred. EFE