Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Fluminense começa preparação para jogo contra o Madureira

Depois de dois dias de folga, o elenco do Fluminense se reapresentou na manhã desta quarta-feira nas Laranjeiras e começou a preparação para a partida diante do Madureira, prevista para o próximo sábado, às 15h45(de Brasília), no Estádio Aniceto Moscoso, no Rio de Janeiro, pela penúltima rodada da Taça Rio. O Tricolor precisa da vitória para tentar ingressar na zona de classificação para as semifinais. O técnico Abel Braga, porém, terá problemas para armar a sua equipe.

No treino desta manhã de quarta-feira, o treinador do Fluminense não contou com o volante Valencia, que se recuperou de um estiramento muscular na coxa direita. O colombiano, segundo previsão feita pelo departamento médico, vai ficar cerca de 15 dias afastado da equipe. Dessa maneira, ele deve perder a reta final da fase de classificação da Taça Rio e o confronto diante do Boca Juniors pela Copa Libertadores.

O atacante Fred também não trabalhou com os demais companheiros. O jogador deixou o clássico contra o Botafogo, que terminou empatado por 1 a 1, reclamando de dores na virilha direita e acabou ficando fazendo trabalho de reforço muscular. O artilheiro, que também sente um incômodo na coxa direita, não tem nenhuma lesão constatada, mas vai passar por um trabalho diferenciado para não correr risco de ter algo mais sério e virar problema para vários jogos. A escalação de Fred diante do Madureira já foi descartada pela comissão técnica.

O meia Deco foi outro que não treinou nesta manhã de quarta-feira, já que foi liberado pela comissão técnica para resolver problemas particulares. O jogador, porém, não preocupa para sábado e vai enfrentar o Madureira.

Em relação ao time que vai a campo, Abel Braga ainda não deu pistas, o que só deverá acontecer no coletivo programado para esta quinta-feira. Porém, várias mudanças acontecerão em relação ao clássico contra o Botafogo. O zagueiro Anderson e o volante Diguinho, que cumpriram suspensão diante dos botafoguenses, reaparecem nas vagas de Gum e de Jean, respectivamente. Edinho vai ficar com a vaga de Valencia. Ele ganhou a disputa com Jean por possuir mais poder de desarme, algo considerado fundamental para primeiro volante.

Mas nenhum outro setor preocupa tanto Abel Braga quanto o ataque. A vaga de Fred será preenchida por Rafael Moura, que está longe de ser o jogador que vinha se destacando no ano passado, quando ganhou diversas oportunidades na equipe por causa de lesões de Fred ou até mesmo pela convocação do artilheiro para a Seleção Brasileira. Para agravar ainda mais a situação ofensiva, Wellington Nem, que tem se tornado o mais perigoso atacante do Fluminense, recebeu o terceiro cartão amarelo contra o Botafogo e terá que cumprir suspensão. Caberá a Rafael Sobis, que vem se caracterizando pela pouca regularidade, substituir o destaque do Tricolor na temporada. Sobis conversou com os jornalistas nesta quarta-feira e negou que a proximidade do fim de seu contrato, que se encerra em julho, esteja mexendo com o seu rendimento.

‘Sinceramente, isso não está me prejudicando. Até porque existem muitas coisas boas para acontecer até o fim do meu contrato. Meu pensamento é ser campeão carioca e conquistar o título da Copa Libertadores’, disse Rafael Sobis.

Dessa maneira, a tendência é o Fluminense ir a campo no sábado com a seguinte escalação: Diego Cavalieri, Bruno, Leandro Euzébio, Anderson e Carlinhos; Edinho, Diguinho, Deco e Thiago Neves; Rafael Sobis e Rafael Moura. Nesta quinta-feira, o grupo volta a trabalhar na parte da tarde, enquanto que na sexta-feira a atividade acontecerá pela manhã e vai anteceder ao início do período de concentração.

Com sete pontos conquistados o Fluminense, para entrar na zona de classificação, tem que vencer o Madureira e torcer por um tropeço do Bangu, que tem dois pontos a mais e visita o Macaé.