Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Fluminense acerta com Eduardo Baptista, seu 4º técnico no ano

Filho de Nelsinho Baptista, treinador de 45 anos estava desde janeiro de 2014 no Sport e chega para tentar livrar a equipe carioca da crise

A diretoria do Fluminense anunciou nesta quinta-feira a contratação de Eduardo Baptista, que será o quarto treinador do time em 2015. Filho do técnico Nelsinho Baptista, ele era o treinador mais longevo do Brasileirão: estava no Sport desde janeiro do ano passado. Eduardo fechou contrato até o fim de 2016 e será o substituto de Enderson Moreira, demitido depois da derrota por 4 a 1 para o Palmeiras, na quarta, no Maracanã. Antes, o Fluminense foi treinado por Cristóvão Borges e Ricardo Drubscky neste ano.

Rodada derruba técnicos Enderson Moreira e René Simões

Eduardo Baptista, de 45 anos, vinha fazendo um bom trabalho pelo Sport, 10º colocado do Brasileirão. “Estou saindo de uma grande equipe onde tenho uma história e sou muito grato. O que me seduziu foi o projeto apresentado pelo presidente Peter Siemsen que tem uma leitura sobre futebol muito parecida com a minha. Acredita na importância dos jogadores experientes e acredita nas divisões de base”, disse o técnico, que será apresentado oficialmente nesta sexta.

“Chego ao Fluminense muito animado. É um clube que me identifico e o torcedor pode esperar uma dedicação total, de 24 horas, pelo melhor para o clube. Minha família ficou em Recife e estarei completamente focado neste novo desafio”, declarou Baptista, que chega ao clube acompanhado do auxiliar Pedro Gama.

O técnico terá uma missão difícil: o Fluminense vem de sete jogos sem vitória no Brasileirão, uma sequência que o fez cair da quarta para a 11ª colocação e atrapalhou o ambiente nas Laranjeiras. Nos últimos dias, houve duas manifestações violentas de membros de torcida organizada. Numa delas, o atacante Fred quase foi atingido por uma latinha, no aeroporto, e, no dia seguinte, torcedores protestaram durante um treinamento e um deles chegou a invadir o gramado.

A ausência do meia Ronaldinho Gaúcho, com constantes problemas físicos, também vem tumultuando o ambiente. Eduardo Baptista estreará no sábado, diante da Ponte Preta, em Campinas, às 21h (de Brasília).

(Com Estadão Conteúdo)