Clique e assine a partir de 8,90/mês

Flamengo vence Atlético-MG por 2 a 0 e abre vantagem

Com gols de Cáceres e Chicão, ambos no segundo tempo, equipe carioca constrói ótimo placar no Maracanã e fica perto de sua 2ª final consecutiva

Por Da Redação - 29 out 2014, 23h41

O Flamengo arrancou bem na disputa por uma vaga à final da Copa do Brasil. Jogando no estádio do Maracanã, no Rio, nesta quarta-feira, o time rubro-negro venceu o Atlético-MG por 2 a 0, com gols de Cáceres e Chicão, e agora poderá até perder a partida de volta da semifinal na semana que vem, no estádio do Mineirão, em Belo Horizonte, para chegar à sua segunda decisão consecutiva do torneio. O time mineiro, por sua vez, precisará repetir a façanha das quartas, quando conseguiu uma vaga improvável ao golear o Corinthians por 4 a 1, depois de ter perdido por 2 a 0 no primeiro jogo.

O jogo – As primeiras movimentações do jogo desta quarta deram a entender que o grande público presente ao Maracanã assistiria a uma grande partida. Com os dois times atuando abertos e buscando as jogadas de linha de fundo, Flamengo e Atlético criaram boas chances até os 15 minutos.

Mas as chances de gol e os lances bonitos acabariam sendo a exceção dali até o fim do primeiro tempo. Um festival de passes errados dos dois times deixou a partida feia, a ponto de a melhor oportunidade da etapa inicial partir de um desvio de Jemerson, aos 27 minutos, em que Victor se esticou todo para evitar aquele que seria um gol contra a favor do Flamengo.

No segundo tempo, porém, partida melhorou. O Flamengo avançou a sua linha de marcação no meio de campo, aproximou Márcio Araújo e Cáceres dos alas e passou a chegar com mais frequência ao ataque. Melhor no jogo, a equipe carioca abriu o marcador aos 15 minutos, quando Gabriel aproveitou sobra de bola na direita e cruzou no meio da área para Cáceres, de cabeça, mandar no lado esquerdo de Victor.

Com a vantagem no placar, o Flamengo passou a explorar os contra-ataques. Aos 34 minutos, Gabriel arrancou pela esquerda, entrou na área e foi derrubado. Pênalti, que Chicão bateu forte para fazer 2 a 0. Os últimos momentos do jogo foram de pressão total do Atlético-MG, que tentava reduzir a desvantagem. Na melhor chance, aos 40 minutos, Dátolo, da pequena área, chutou de pé direito em cima de Paulo Victor, perdendo aquele que poderia ser o gol do desafogo – e definindo o placar de 2 a 0 para o Flamengo.

(Com Gazeta Press)

Continua após a publicidade
Publicidade