Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Flamengo promete acordo até quarta-feira e Ronaldinho viaja à Bolívia

Durante o final de semana, o ex-jogador Assis, irmão e agente de Ronaldinho Gaúcho, ameaçou tirar o camisa 10 do Flamengo e ainda revelou que o jogador poderia não viajar para a Bolívia com a delegação Rubro-negra, que vai a Sucre por conta de um compromisso importante contra o Real Potosí, pela Copa Libertadores.

O motivo do desgaste seria o atraso no salário do atleta, que não recebe há cinco meses a parte determinada à empresa Traffic, parceira do Rubro-negro na contratação de Ronaldinho. Contudo, a novela parece estar perto de em um final feliz, tanto para o jogador quanto para o Flamengo.

Neste domingo, dirigentes rubro-negros viajaram até Porto Alegre para resolver a situação com Assis. Em uma reunião, a cúpula do Flamengo mostrou que o desfecho entre o clube e a empresa de marketing está próximo e o pagamento deverá ser concretizado nos próximos dias.

Com a palavra da diretoria Rubro-negra garantindo que o imbróglio será resolvido rapidamente e que irá pagar um valor extra ao craque, Ronaldinho deverá viajar normalmente com a delegação do Flamengo para a Bolívia, nesta segunda-feira. A delegação está em São Paulo e embarca para Sucre nas próximas horas.