Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Flamengo multa e afasta cinco jogadores por festa com bebida e mulheres

Alan Patrick, Everton, Marcelo Cirino, Pará e Paulinho negaram exageros, mas ficarão de fora do time por tempo indeterminado

A diretoria do Flamengo decidiu punir com rigor cinco jogadores envolvidos em uma festa na última terça-feira. Na tarde desta quarta-feira, horas depois de a história vir à tona, o CEO do clube, Fred Luz, e o vice-presidente de futebol, Gerson Biscotto, anunciaram o afastamento de Alan Patrick, Everton, Marcelo Cirino, Pará e Paulinho, que também serão multados.

“Estamos diante de um fato público e notório envolvendo cinco atletas do clube em momento decisivo para o campeonato. O Flamengo convocou os atletas e ouviu suas versões. Foi decidido que serão multados e afastados por tempo indeterminado. A partir de agora, o assunto será tratado internamente”, disse Fred Luz em rápido pronunciamento.

Trabalhando no Flamengo, ‘Kibe Loco’ contém tentação de provocar rivais

Os cinco nomes punidos estiveram em uma animada festa na noite da última terça. Nas redes sociais, torcedores relataram que havia bebida e mulheres no local e que os atletas pretendiam ir direto da festa para o treino, no dia seguinte – versão negada pelos envolvidos. De qualquer forma, o envolvimento dos cinco jogadores no evento em pleno dia de semana e em meio a um momento bastante complicado do Flamengo – venceu somente uma das última sete partidas e caiu para a 10ª posição -, revoltou os diretores do clube.

A confusão fez com que o treinamento desta quarta pela manhã fosse integralmente fechado à imprensa, algo inédito em 2015. O afastamento causará uma baixa significativa na equipe, já que três deles vinham sendo titulares absolutos: Pará, Alan Patrick e Everton. Paulinho ainda era um dos reservas mais acionados, enquanto Cirino está lesionado.

(com Estadão Conteúdo)