Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana

Filho de Romário retorna ao Vasco e descarta camisa 11

Formado nas categorias de base do clube, Romarinho se diz mais maduro e não se importa com as comparações com o pai famoso

Por Da Redação 14 jan 2015, 15h08

O Vasco apresentou nesta quarta-feira um velho frequentador de São Januário como reforço para a temporada 2015. O atacante Romarinho, filho do ídolo do clube Romário, retornou ao Vasco depois de passar dois anos no Brasiliense. Aos 21 anos, ele descartou usar a camisa 11 com a qual o pai se consagrou e brincou sobre a quantidade de gols de ambos na carreira. “Nem é por causa do peso de ser a camisa dele, mas a 11 não é a minha preferida. Fiquei dois anos no Brasiliense e, sendo reserva ou titular, vesti a 17. Sobre gols, faltam uns 950. Mas a minha meta não é essa, quero fazer a minha parte quietinho.”

Leia também:

Damião aumenta lista de atletas que processam o Santos

CBF cria regra de transferências e exclui investidores

Presidente do Palmeiras exalta Dudu e diz que São Paulo fez pior com Kardec

Romarinho disse que não se incomoda em ser comparado ao pai e sabe que acaba carregando um peso a mais pelo parentesco. Com apenas dois gols como profissional, disse que tem estilo bem diferente do ex-jogador e admitiu que nunca será igual a ele. “Posso jogar muito, fazer gols, e sempre comparam, porque ele foi um dos maiores do mundo. Tenho outro estilo de jogo. Nunca mais vai aparecer um jogador igual a ele. Vou tentar fazer o máximo, mas essa comparação sempre vai existir.”

Romarinho foi revelado pelo próprio Vasco e foi negociado em 2013. “Nasci dentro do Vasco e tenho uma felicidade grande por retornar. Quando entrei em São Januário, fiquei rindo sozinho, pois é muito bom sentir-se em casa, me sinto muito mais maduro. Na base nunca tinha saído do Rio, fiquei em Brasília sozinho, jogando Série C, Série D. Estou muito mais esforçado e sou outra pessoa.”

(Com Estadão Conteúdo)

Continua após a publicidade
Publicidade