Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Fifa obriga times a liberarem jogadores sub-23 para as Olimpíadas

Por Da Redação 30 mar 2012, 15h38

O Comitê Executivo da Fifa informou nesta sexta-feira que todos os times de futebol serão obrigados a ceder jogadores sub-23 para a disputa das Olimpíadas de 2012, de acordo com comunicado divulgado no site oficial da entidade que rege o futebol.

Com isso, diversos clubes brasileiros podem sofrer com desfalques durante parte do campeonato nacional, que seguirá em disputa durante a competição marcada para acontecer em Londres. Atualmente com 52 jogadores pré-convocados por Mano Menezes, a Seleção tem entre os escolhidos, tanto abaixo dos 23 anos, como acima desta idade – três atletas podem ser chamados nesta categoria – atletas de Atlético-MG, Vasco, Botafogo, Grêmio, Cruzeiro, Corinthians, Flamengo, Santos, Internacional, São Paulo, Coritiba e Fluminense.

Entre estes, Rafael, Ganso e Neymar, do Santos, Casemiro, Lucas e William José, do São Paulo, Leandro Damião, do Inter, e Oscar, vivendo um imbróglio entre Tricolor e Colorado, são alguns dos atletas que obrigatoriamente devem ser liberados – caso figurem na lista final para a competição, a qual deverá ser divulgada no dia 6 de julho.

Com a apresentação do elenco da Seleção marcada para o dia 9 de julho, espera-se que estes atletas fiquem até oito rodadas fora do Brasileirão, já que as Olimpíadas acontecem entre o dia 27 de julho até 12 de agosto. Na Europa, os times estarão em seu período de férias durante estes dias.

Fora do calendário oficial de competições da Fifa, os clubes eram relutantes quanto à obrigatoriedade de liberar seus jogadores para os Jogos Olímpicos. Em 2008, quando a competição aconteceria em Pequim, na China, Argentina e Barcelona entraram em rota de colisão, por conta da convocação de Lionel Messi.

Alegando não ser uma data Fifa e, por isso, não ter necessidade de liberar o camisa 10, o clube catalão entrou com o processo na Corte Arbitral do Esporte (CAS), e venceu, mas, ainda assim, Messi disputou os Jogos Olímpicos, que deu à Argentina a medalha de ouro no futebol.

Continua após a publicidade

Publicidade