Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Fernando Alonso anuncia saída da McLaren e da Fórmula 1

O bicampeão espanhol não revelou seus planos para o ano que vem

Fernando Alonso anunciou nesta terça-feira 14 que vai deixar a McLaren ao fim deste ano e não vai disputar a temporada de 2019 da Fórmula 1, da qual é bicampeão. O piloto espanhol divulgou um vídeo de agradecimento em suas redes sociais, enquanto a McLaren publicou uma nota oficial sobre sua saída.

“Depois de dezessete maravilhosos anos nesse esporte incrível, é hora de fazer uma mudança e seguir em frente. Eu desfrutei de cada minuto desse período fantástico e não posso agradecer o suficiente às pessoas que fizeram tudo ser tão especial. Há ainda uma série de Grandes Prêmios para disputar na atual temporada e vou participar deles com mais compromisso e paixão do que nunca. Vamos ver o que o futuro traz. Muitos novos desafios vêm por aí. Estou vivendo um dos momentos mais felizes da minha vida, mas agora preciso explorar novas aventuras”, disse o piloto na nota divulgada pela McLaren.

Fernando Alonso estreou na Fórmula 1 em 2001, pela Minardi. No ano seguinte, atuou apenas como piloto de testes da Renault, escuderia que o alçou a titular em 2003 e pela qual ganhou os títulos de 2005 e 2006. Nos anos seguintes, defendeu a McLaren, voltou à Renault, correu pela Ferrari por quatro anos e retornou à McLaren, onde está desde 2015. Alonso disputou 303 corridas – conquistou 32 vitórias, 22 poles e subiu ao pódio 97 vezes.

Apesar dos maus resultados nos últimos anos, foi elogiado pelo CEO da McLaren, Zak Brown. “Fernando não é apenas um embaixador para a McLaren, mas também para a Fórmula 1.”