Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Fernandão descarta ressarcir Málaga para ter Sandro Silva no Inter

Por Da Redação - 19 jun 2012, 21h38

O diretor executivo do Internacional descartou, nesta terça-feira, que o clube vá pagar ao Málaga para ter o volante Sandro Silva em definitivo. Fernandão rebateu as declarações inconformadas do jogador de que o Inter não estaria fazendo força para contratá-lo. Segundo o dirigente, o Inter já apresentou proposta ao clube espanhol.

‘Se não levaram a proposta ao Málaga, o problema não é nosso. Se tiver que pagar, a gente vai renegociar. A situação inicial era de que ele viria livre’, revelou Fernandão. ‘Primeiro foi um valor, depois um segundo, depois um terceiro, e agora pagar ao Málaga. A proposta foi feita. Se tiver que pagar, muda tudo. Mas a gente renegocia, sem problema nenhum’, completou.

Fernandão rebateu com veemência a ideia de que a direção colorada está passiva na negociação com Sandro Silva. ‘estamos empenhados. Não estamos de brincadeira. Há injustiça quando dizem que a direção precisa agir. Neste caso do Málaga, eu acho que é justamente a hora agir menos e falar mais’, afirmou Fernandão, em referência a uma declaração do volante criticando a direção na semana passada.

O contrato de Sandro Silva com o Internacional por empréstimo encerra no dia 30. São Paulo e Al-Wasad, dos Emirados Árabes, já demonstraram interesse pelo futebol do volante em diferentes momentos desta temporada. Fernandão deu a entender que um suposto interesse do Grêmio mudou a postura do Málaga: ‘ninguém vai usar um concorrente do Inter para tirar mais na negociação’, concluiu.

Publicidade