Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Fernandão celebra invencibilidade como técnico novato do Inter

<p>Desde que assumiu o comando do Inter, o técnico Fernandão conquistou um empate diante do Vasco e três vitórias, sendo a última contra o Palmeiras, neste sábado, na Arena Barueri, e que colocou o Inter provisoriamente no G-4 do Campeonato Brasileiro. Com 83% de aproveitamento, o treinador de 34 anos diz que ainda está ‘novato’, […]</p>

Por Da Redação Atualizado em 11 jan 2022, 22h49 - Publicado em 5 ago 2012, 08h03

Desde que assumiu o comando do Inter, o técnico Fernandão conquistou um empate diante do Vasco e três vitórias, sendo a última contra o Palmeiras, neste sábado, na Arena Barueri, e que colocou o Inter provisoriamente no G-4 do Campeonato Brasileiro. Com 83% de aproveitamento, o treinador de 34 anos diz que ainda está ‘novato’, estranhando a nova função, mas aprovando os resultado

Com 26 pontos, o Colorado fica atrás apenas do Fluminense, que tem a mesma numeração, do Vasco e do Atlético-MG, que lideram o Brasileiro. Sobre a possibilidade de título, o treinador ainda não vislumbra: ‘Estamos comemorando uma vitória importante em cima de uma equipe guerreira e vencedora, que é o Palmeiras. Agora eu preciso que o torcedor lote o Beira-Rio e o time mostre capacidade de superação. O próximo objetivo é o Náutico, não adianta falar em dezembro’.

‘Ser técnico é muito diferente de jogar e até de ser diretor, mas eu sempre tive grandes treinadores, referências. Sou um novato com bagagem. Tenho que viver jogo a jogo, passar por tudo o que puder. Estou pensando no treino de segunda de manhã, de terça, porque o jogo já é na quarta’, discursou Fernandão, que ainda celebrou a vitória sobre o Verdão: ‘Poderíamos ter matado, mas foram 45 minutos de sufoco no segundo tempo, fizemos com que eles não tivessem muitas oportunidades’.Fernandão viveu uma disputa particular com um ídolo na função de treinador, que é Luiz Felipe Scolari. Após a vitória sobre o Verdão na Arena Barueri, o técnico do Inter não negou que tenha vencido a disputa com o experiente comandante do Palmeiras, principalmente no segundo tempo: ‘Eu sabia que o Felipão viria com uma postura diferente. Estudei o jogo e busquei corrigir as falhas. Ainda são só quatro jogos, tem muita coisa pela frente para acontecer e aprender’.

O Inter volta aos trabalhos na manhã de segunda-feira, já em Porto Alegre, e entra em campo na quarta-feira, às 19h30 (de Brasília), diante do Náutico, pela 15rodada do Campeonato Brasileiro.

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Publicidade